Itália cancela a cidadania de 899 brasileiros

O município de Ospedaletto Lodigiano, situado na região da Lombardia, no norte da Itália, divulgou uma lista de 899 brasileiros que tiveram a cidadania italiana cancelada. O motivo: a descoberta de um esquema de suborno para atestar falsamente que eles eram residentes na cidade.

A listagem contém nomes de pessoas naturais de Porto Alegre. A grande maioria, no entanto, é de São Paul0 http://www.comune.ospedalettolodigiano.lo.it/doc/news/3429/ELENCO%20A.pdf
Ospedaletto Lodigiano, que segundo o censo italiano conta com 1.574 moradores, tinha 1.188 brasileiros inscritos no registro de residentes italianos no Exterior.
O caso envolve funcionários da prefeitura e um casal de brasileiros, que recebia dinheiro para atestar que as pessoas eram habitantes daquela comunidade. A operação ganhou o nome de “Carioca”.