Abcam confirma acordo com governo e pede fim da paralisação

A Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam) confirmou na manhã desta segunda-feira (28) a assinatura do acordo para pôr fim à paralisação dos caminhoneiros autônomos.
O governo federal decidiu congelar por 60 dias a redução do preço do diesel na bomba em R$ 0,46 por litro, valor referente ao que seria a retirada do PIS/Cofins e da Cide sobre esse combustível. Depois desse período, o preço do diesel será ajustado mensalmente. Além disso, a alíquota da Cide sobre o diesel será zerada até o final do ano.
“A Abcam considera o acordo assinado uma vitória, já que o anterior previa uma redução de apenas 10% por apenas 30 dias. Entretanto, a associação acredita que até dezembro deste ano o governo encontre soluções para que essa redução seja permanente”, informou a associação, em nota.
“Sendo assim, já que o objetivo foi alcançado, a Abcam pede a todos os caminhoneiros que voltem ao trabalho”, diz a nota da entidade.

Confira nota da ABCAM na íntegra

Após a reunião realizada hoje (27), na Casa Civil, a Associação Brasileira dos Caminhoneiros decidiu assinar um acordo com o Governo para pôr fim às paralizações dos caminhoneiros autônomos.

A categoria conseguiu ser atendida em diversas reivindicações, dentre delas o subsídio, pelo Governo Federal, do valor referente ao que seria a retirada do PIS, Cofins e Cide sobre o óleo diesel. A medida permitirá a redução de R$0,46 no preço do diesel até o final do ano.

A Abcam considera o acordo assinado como uma vitória, já que o acordo anterior previa uma redução de apenas 10% por apenas 30 dias. Entretanto, a Associação acredita que até dezembro deste ano o Governo encontre soluções para que essa redução seja permanente.

Reivindicações atendidas

– Redução até 31/12/18 de R$0,46 no preço diesel,
– Congelamento dos preços do diesel por 60 dias,
– Após os 60 dias, os reajustes no valor aconteceram a cada 30 dias, o que permitirá certa previsibilidade do transportador para cobrança do valor do frete
– Extinção da cobrança de pedágio por eixo suspenso em rodovias federais, estaduais e municipais;
– Tabela mínima de frete
– Determinação para que 30% dos fretes da Conab sejam feitos por caminhoneiros autônomos

As Medidas Provisórias têm força de lei. Portanto, as três medidas começam a valer assim que o texto for publicado no “Diário Oficial da União”.
Importante ressaltar que as multas aplicadas durante as manifestações também foram canceladas tanto para os caminhoneiros como para às entidades

Fim das manifestações

Sendo assim, já que o objetivo foi alcançado, a Abcam pede a todos os caminhoneiros que voltem ao trabalho.

O presidente da Abcam, José da Fonseca Lopes, também deixa a seguinte mensagem: “Amigos caminhoneiros, voltem satisfeitos e orgulhosos para o trabalho. Conseguimos parar este país e sermos reconhecidos pela sociedade brasileira e pelo Governo deste país. Nossa manifestação foi única, como nunca ocorreu na história. Seremos lembrados como aqueles que não cederam diante das negativas do Governo e da pressão dos empresários do setor. Teremos o reconhecimento da nossa profissão, de que nosso trabalho é primordial para o desenvolvimento deste país. Voltem com a sensação de missão cumprida, mas lembrando que a luta não termina aqui.”

Prazo para o Cadastro Ambiental Rural termina dia 31

O prazo para o Cadastro Ambiental Rural (CAR) termina no dia 31 de maio. O Sindicato dos Trabalhadores Rurais tem a disposição um Engenheiro Agrônomo para quem ainda não regularizou a área e o Sindicato Rural da Serra Gaúcha também.   Para fazer o CAR é necessário a matrícula da propriedade e CPF e RG da pessoa que fizer o cadastro. Mais informações através do telefone do Sindicato dos Trabalhadores Rurais  (54) 3451-1470 e do Sindicato Rural da Serra Gaúcha também (54) 3702-2217 (54)3702-2216 (54)9939-9511.
A inscrição no CAR é obrigatória para todos os imóveis rurais do país e constitui-se no primeiro passo para a regularização ambiental que dá acesso a benefícios previstos no Código Florestal (Lei nº 12.651/2012).

Cadastro Vitícola
O Sindicato está fazendo também o cadastro vitícola 2018. Os documentos necessários para o recadastro são: Resumo da safra e Cadastro 2017.

Fé e devoção marcam 116ª Festa em Honra a Nossa Senhora de Caravaggio em Monte Belo do Sul

Aproximadamente 1200 fiés estiverem presentes na celebração da missa celebrada pelo padre Vinicius Fedrizzi Caberlon, seguida de procissão até o campo de futebol da comunidade com a imagem de Nossa Senhora Foto: Felipe Machado

A fé e devoção marcaram a 116ª Festa em Honra a Nossa Senhora de Caravaggio que ocorreu no sábado, dia 26 de maio em Monte Belo do Sul na Linha Alcântara Alta, Capela Nossa Senhora. Aproximadamente 1200 fiés estiverem presentes na celebração da missa celebrada pelo padre Vinicius Fedrizzi Caberlon, seguida de procissão até o campo de futebol da comunidade com a imagem de Nossa Senhora. Ao meio dia, foi servido almoço com cardápio diversificado, típico da região, sorteio de brindes e por fim, a benção da saúde.
Participaram das festividades autoridades como prefeito Adenir José Dallé, o vice Jorge Benvenutti, Secretários Municipais, o presidente da Câmara de Vereadores, Onecimo Pauleti, vereadores em geral, bem como líderes da comunidade, moradores da localidade e da região.
Os festeiros desta edição foram Ivo e Vera Piovesana, Rudimar e Taisa Benvenutti, Jandir e Terciane Dal Castel.

Setor vinícola debate modernização da legislação e tributação dos vinhos e espumantes

A Frente Parlamentar da Cadeia Produtiva da Uva, do Vinho, dos Espumantes, dos Sucos e derivados realizou, no dia 24, audiência pública para tratar da tributação dos vinhos e espumantes brasileiros, na Escola de Enologia do Instituto Federal Campus Bento Gonçalves.
Em parceria com o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e o Sindicato Rural da Serra Gaúcha, os principais polos vitivinícolas do país e os produtores, o deputado Afonso Hamm, presidente da Frente, coordenou a discussão sobre a modernização da Lei do Vinho, a redução da alíquota do IPI e a inclusão das vinícolas no Simples Nacional.
De acordo com o parlamentar, que é autor da emenda que incluiu as vinícolas no Simples, desde o início do ano cerca de 250 empresas já aderiram ao programa e estão sendo beneficiadas com a redução da carga tributária. “Essa mudança na regra do Simples atinge 91% das vinícolas que tem um faturamento de até 4 milhões e 800 mil, que são consideradas pequenas. Nossa intenção é equalizar a questão para as demais empresas”, afirmou.
Outro assunto debatido durante o encontro foi a atualização da Lei do Vinho, que é de 1988. Para o diretor-técnico do Ibravin, Leocir Bottega, a modernização da legislação representa a diminuição de entraves burocráticos para o desenvolvimento do setor. “Precisamos alterar alguns pontos na lei para dar capacidade competitiva a produção, a industrialização e o comércio de espumantes, vinhos e derivados. No Rio Grande do Sul, temos hoje mais de 15 mil propriedades vitícolas registradas, a grande maioria, de pequenos produtores familiares”, observou.
As contribuições e sugestões encaminhadas pelos representantes das entidades serão incluídas no Projeto de Lei que será apresentado pelo deputado à Câmara Federal.
Ao final do evento, Afonso Hamm anunciou a indicação de uma emenda parlamentar no valor de R$ 300 mil para a recuperação da escola. O investimento previsto gira em torno de R$ 2 milhões, por meio do Fundo de Desenvolvimento da Vitivinicultura (Fundovitis).

Peças teatrais prometem contagiar o público da ExpoBento 2018

Maior feira multissetorial do país oferece aos visitantes sete apresentações de teatro que compõem a extensa agenda cultural do evento

A arte pede passagem e ganha destaque na agenda cultural da ExpoBento 2018. O palco da maior feira multissetorial do país vai receber, de 07 a 17 de junho, atrações para entreter públicos de todos os gostos e idades. A agenda apresenta sete performances de teatro que prometem encantar a plateia abordando, de forma lúdica, temáticas como amizade, leitura, alimentação, saneamento básico e dança.
Os espetáculos ocorrem no palco principal, localizado no Mundo da Gastronomia – e o melhor de tudo é que podem ser assistidos sem custo extra para o público: ou seja, ao adquirir seu ingresso para a ExpoBento, o visitante tem direito a curtir todas as atrações da programação. “Ampliamos a proposta de acessibilidade porque a ExpoBento é a feira da família. Queremos que o público aprecie as opções de lazer e entretenimento oferecidas, por isso concentramos essas atrações no palco principal. Desse modo, todos podem aproveitá-las durante a visita a feira, combinando lazer e diversão às boas oportunidades de compras trazidas também pelos expositores”, explica o diretor-geral da edição 2018, Leocir Glowacki.

Conheça os espetáculos em cartaz na ExpoBento 2018:
“O Vendedor de Palavras” e “Flor da Vida”, no dia 09 de junho
A estreia da agenda cultural da ExpoBento 2018 será no dia 09 de junho, com duas apresentações teatrais. A primeira delas é a peça “O Vendedor de Palavras”. A obra retrata a história de um menino chamado “Milho” que sonha ir para a capital encontra sua amiga “Espiga”. Nesse mundo, há uma grande falta de palavras e as pessoas ficam repetindo as mesmas poucas que têm. Se cada palavra vale um pensamento, quanto mais palavras, mais pensamentos – essa é a descoberta do garoto. Odete e Adam, avós de Milho, não pouparão palavras nem artimanhas para manter o jovem sob suas asas, garantindo boas risadas e o humor próprio do teatro popular. Uma história de amor às palavras, aos livros e às pessoas.
O outro espetáculo do dia será “Flor da Vida”, do Teatro Mototóti. A peça falará da própria jornada do grupo teatral ao contar a história de dois palhaços que se encontram e buscam realizar seu grande sonho: fazer teatro. Provando dos sabores e dissabores da vida de casal, Charle’s Tone e Thalia Thaluda caminham juntos fazendo escolhas dia a dia, até que um incêndio arrebatador destrói quase tudo o que eles têm. Qual será o desfecho dos dois? O público poderá saber no dia 09 de junho.
“Entrando Pelo Cano”, dia 10 de junho
O segundo dia de apresentações teatrais na ExpoBento 2018 contará a história de Retinho, um rato muito esperto que vai tentar provar a uma comunidade de ratos e ratazanas do submundo do esgoto de uma cidade que grandes problemas estão por vir. Ele se lança em uma aventura secreta em busca de seus antepassados, levando em sua bagagem uma informação muito importante, que vai mudar a vida das pessoas e dos animais que habitam os esgotos. Um espetáculo que procura discutir e refletir com as crianças sobre o significado e a importância do saneamento básico.
Tholl, Imagem e Sonho, dia 13 de junho
Uma das maiores companhias teatrais do país estará presente na feira desse ano: o grupo Tholl, Imagem e Sonho é um espetáculo consagrado e, por onde passa, arrebata corações, ganha novos fãs e desperta, em especial nos jovens, o gosto pela arte circense. Estreado em novembro de 2002, usa roupagem moderna e arrojada para a arte circense, sendo denominado de “novo circo”. O elenco usa perucas estilizadas e figurinos de luxo com toque de modernidade. O espetáculo tem iluminação sofisticada, dança coreografada e música vibrante e marcada. Tholl libera os espectadores para que façam sua própria leitura de forma simples e sincera, transportando-os a um mundo de sonho e fantasia. São 75 minutos de alegria e muita magia!
“Mulheres – Um Musical Poético”, dia 15 de junho
Essa peça retrata a mulher com sua beleza, suas contradições, fragilidades e força. Por meio de uma seleção de textos e músicas, entram em cena as diferentes mulheres que encontramos atualmente, ou seja, a mãe, a esposa, a dona de casa, a mulher doce e ingênua, a mulher fatal e tantas outras que cabem nesse ser maravilhoso e misterioso que é a mulher.
“Abra a Boca e Feche os Olhos”, dia 16 de junho
No penúltimo dia de feira, a peça “Abra a Boca e Feche os Olhos”, retrata a história de Íris, uma mulher que se divide entre a casa, os filhos e o seu trabalho na TV. Ela está empolgada com um novo projeto: ser apresentadora de um programa infantil sobre alimentos que a natureza nos dá. Mas os filhos, Pedro e Maria, sentem falta das conversas, dos almoços em família, dos passeios, da cumplicidade com a mãe. Íris, que trabalha dessa forma para dar todo o conforto aos filhos, será surpreendida em sua rotina de trabalho, gerando reflexões sobre saúde, família, qualidade de vida e muito mais
“Mas Bah Tchê – Como é Grande o Meu Rio Grande”, dia 17 de junho
Para encerrar a série de sete peças teatrais da ExpoBento 2018, um divertido musical vai contar a história do Rio Grande do Sul, da descoberta até a Revolução Farroupilha, passando pela formação do povo gaúcho, suas lendas, costumes e tradições. Um grupo de gaúchos invade a cena para dar início a esta fascinante viagem pelo tempo.

Serviço da feira
O quê: ExpoBento 2018
Quando: de 7 a 17 de junho
Onde: Parque de Eventos de Bento Gonçalves
Horários:
Segunda a sexta-feira, das 18h às 22h30min;
Sábados e feriado das 10h às 22h30min e aos domingos das 10h às 21h

Ingressos:
Antecipados: R$ 2,00 (lotes de 100 unidades)
Dias de semana: R$ 5,00
Fins de semana e feriado: R$ 10,00
Estacionamento: R$ 12,00 (dias de semana) e R$ 15,00 (fins de semana e feriado)
Estacionamento coberto: R$ 22,00 (dias de semana) e R$ 25,00 (fins de semana e feriado)
Estacionamento para motos: R$ 5,00
Mais informações: www.expobento.com.br
Promoção: Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves

O Julgamento de Paris’ para aquecer o Dia do Vinho

Sessão especial do Wine Movie Peterlongo será realizada no Dia do Vinho, 2 de junho

Quem ainda não assistiu não pode perder. E quem já assistiu, esta é uma excelente oportunidade para repetir a experiência, desta vez no interior da maior edificação de pedra basáltica da América Latina o astelo da centenária Vinícola Peterlongo (Garibaldi (RS). O filme O Julgamento de Paris será exibido pelo Wine Movie Peterlongo no Dia do Vinho, 2 de junho, a partir das 18h. Os ingressos estão à venda no varejo da vinícola ou pelo site www.sympla.com.br.
A sessão terá ambientação especial, propícia para a estação mais fria do ano. O salão que abrigava a expedição da centenária vinícola e que hoje sedia grandes eventos dará espaço a uma sala de cinema com bancos, tapetes, almofadas e mantas para aquecer o público. Além da tradicional pipoca, muito pinhão e vinho. Os que desejarem podem levar cadeiras e mantas. A projeção é feita em HD em uma tela de 8×5 metros.
O Wine Movie Peterlongo não apenas caiu no gosto do público como também passou a ser o cinema de Garibaldi, na Serra Gaúcha. Seguindo o estilo vintage da Capital Brasileira do Espumante, as sessões de inverno esbanjam charme e nostalgia.

O filme
O longa acompanha o início da indústria do vinho, em Napa Valley (Califórnia), durante os anos 1970, que resultou na vitória da vinícola californiana Chateau Montelena na competição internacional de melhor vinho em 1976, em Paris, responsável por colocar a localidade no mapa dos melhores produtores da bebida. Baseado em fatos reais, o filme mostra os bastidores do julgamento, contados pelo único jornalista presente à degustação que opôs alguns dos mais clássicos vinhos franceses com vinhos californianos e cujo resultado transformou a maneira como o vinho era visto no mundo.

Serviço
O que? Wine Movie Peterlongo
Quando? 2 de junho de 2018
Horário: 18h
Filme: O Julgamento de Paris
Duração: 1h50min
Onde? no interior do vinícola, abrigada pela maior edificação de pedra basáltica da América Latina (Garibaldi/RS)
Ingressos limitados: R$ 40 antecipado e R$ 50 no local (sujeito à disponibilidade)
Pontos de venda: varejo da Vinícola Peterlongo ou no site www.sympla.com.br
O ingresso inclui uma pipoca, uma taça personalizada e uma dose de vinho ou espumante
Atrações: pipoca, pinhão, food truck, além de espumantes, vinhos e suco de uva em taça e garrafa
Classificação: Livre

Fotos: Jeferson Soldi

Porto Alegre sedia lançamento de vinhos eslovenos

Degustação de sete rótulos da Eslovênia será na Champanharia Natalicio do BarraShoppingSul para associados e convidados da ABS-RS

A ABS-RS (Associação Brasileira de Sommerliers) do Rio Grande do Sul abre o seu calendário de atividades extras de 2018 trazendo os exóticos vinhos da Eslovênia para Porto Alegre. O evento está marcado para o dia 28 de maio, às 19h30, na Champanharia Natalicio, no BarraShoppingSul, em Porto Alegre (RS). Serão degustados, pela primeira vez no RS, sete rótulos das linhas Seven Numbers e Estate Selection da Família Puklavec. A apresentação técnica estará a cargo de Moacir Martins Jr., gestor da marca Puklavec no Brasil. A Carpe Vinum (www.carpevinum.com.br) é quem comercializa os rótulos eslovenos no RS.
“Escolhemos os vinhos da família Puklavec para começarmos com o pé-direito a nossa programação de degustações especiais do ano. Vem muita coisa boa por aí. A largada é com os rótulos desse produtor esloveno cuja região está na mesma altitude da Borgonha, na França, e a uma latitude comparável a Nova Zelândia”, afirma o presidente da ABS-RS, Orestes de Andrade Jr. “São vinhos refrescantes e com personalidade. A variedade local Furmint, uma uva relativamente rara, é o orgulho da região”, acrescenta Orestes Jr..
O ingresso para associados da ABS-RS custa R$ 30. Clientes da Champanharia Natalicio podem ingressar na degustação ao preço de R$ 60 (o valor inclui um prato para o jantar depois da degustação). Para o público em geral, o valor é de R$ 120. As reservas devem ser feitas pelo telefone 51 3028-1077 ou e-mail gil.vives@hotmail.com. As vagas são limitadas.
Saiba mais
O amor da família Puklavec pelo vinho vem desde 1934 na Eslovênia. Seus vinhos são produzidos no coração de Ljutomer-Ormož, uma região vinícola na região de Podravje, na parte nordeste da Eslovênia. Esta área oferece as condições perfeitas do microclima para o cultivo da uva. O resultado são vinhos elegantes, elaborados com uma atenção descompromissada e apaixonada pelos detalhes, equilibrados e tão expressivos como a paisagem das vinhas eslovenas.
A Eslovênia, com suas florestas e montanhas espetaculares, está localizada na Europa Central fazendo limites com Áustria, Itália, Croácia, Hungria e o Mar Adriático. Possui mais de 2400 anos de enologia. O clima é um mix de Mediterrâneo, Alpino e Continental. Ao todo, 21.000 hectares de vinhedos produzem 1 milhão de hectolitros de vinho todos os anos.
*Lançamentos que serão degustados:*
– Espumante Estate Selection Brut
– Estate Selection Furmint & Pinot Blanc
– Estate Selection Cabenet & Merlot
– Estate Selection Cabernet Sauvignon
– Seven Numbers Sauvignon Blanc
– Seven Numbers Furmint
– Seven Numbers Pinot Grigio

Serviço
O quê: Degustação de vinhos eslovenos
Local: Champanharia Natalicio (Avenida Diário de Notícias, 300, no BarraShoppingSul, Nível Guaíba, loja 2093 A.
Data: 28/05, às 19:30

Valores:
R$ 30 (Associados da ABS-RS)
R$ 60 (Clientes da Champanharia Natalicio, com um prato para o jantar após a degustação)
R$ 120 (Público em geral)
Inscrições:
Telefone: 51.3028.1077
E-mail: gil.vives@hotmail.com

 

Workshop vai mostrar alternativas para o controle da doença Olho de boi das maçãs

Evento apresentará resultados de 18 anos de estudos

A podridão ‘olho de boi’ (POB), também conhecida como Pezícula, é uma das principais doenças da cultura da macieira no Sul do Brasil. Segundo estimativas setoriais, é responsável por perdas de até 20% no período final da armazenagem dos frutos, podendo totalizar a perda de 50 a 70 mil toneladas de maçãs por safra.
Desde 1999, quando foi identificada a sua ocorrência no Brasil, as instituições de pesquisa e ensino começaram a pesquisar as características do patógeno, a epidemiologia da doença e a definição de diversas táticas de manejo desta podridão. Buscando apoiar o setor produtivo no seu controle, a Embrapa Uva e Vinho, a Agapomi e a Proterra Engenharia Agronômica promovem, no dia 23 de agosto, o I Workshop sobre a Podridão Olho de Boi das Maçãs, no CIC de Vacaria-RS (Rua Borges de Medeiros, 1288).
Segundo a pesquisadora Rosa Valdebenito Sanhueza, uma das coordenadoras do evento, no encontro, palestrantes de diferentes instituições de pesquisa irão apresentar pela primeira vez o conjunto das informações obtidas nesses 18 anos de estudos, que deverá orientar técnicos e produtores de maçãs que atuam nos pomares, bem como os que trabalham na conservação da fruta. “A principal dificuldade para o manejo da doença, que também causa sintomas de morte de esporões e às vezes pequenos cancros nos galhos, reside no fato do patógeno estar presente nos ramos e gemas durante todo o ciclo da cultura e também nos frutos, independentemente das aplicações de fungicidas”, complementa a especialista.
A programação completa pode ser conferida em: https://bit.ly/2w6dDXX . As inscrições custam R$200,00 para o público em geral, R$150,00 para estudantes e R$100,00 para sócios da Agapomi, ABPM e Associação dos Engenheiros Agrônomos de Vacaria (ASAV). Para mais informações e fazer sua inscrição antecipadamente, ligue (54) 3232-8890 ou (54) 3232-1353.

Serviço
O que: I Workshop sobre a Podridão Olho de Boi das Maçãs
Onde: Câmara de Indústria, Comércio, Agricultura e Serviços de Vacaria (CIC Vacaria) – Rua Borges de Medeiros, 1288 – Vacaria, RS
Quando: 23/08/2018
Inscrições: Proterra (54) 3232-8890 ou 3232-1353, com Maicon ou Emanuele
Investimento: R$100,00 (sócios AGAPOMI, ABPM e ASAV), R$ 150,00 (estudantes), R$ 200,00 (público em geral),
Apoio: Epagri, UCS, UDESC, Monsanto, ASAV
Realização: Agapomi, Proterra, Embrapa
Mais informações: https://bit.ly/2w6dDXX

Vereadores de Monte Belo do Sul aprovam Projeto que cria Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural e de Turismo

A Câmara de Vereadores de Monte Belo do Sul realizou, na terça-feira, 15 de maio, Sessão Ordinária, onde foram aprovados, por unanimidade de votos, dois Projetos de Lei de origem Executiva e uma Proposta de Resolução da mesa diretora. Um dos destaques foi o projeto que cria Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural, de Desenvolvimento e Turismo Sustentável.
A primeira proposição aprovada por unanimidade de votos e regime de urgência, o Projeto de Lei (PL) nº28/2018, de origem do Poder Executivo, concede abono salarial aos agentes comunitários de saúde, vinculados ao programa Estratégia de Saúde da família-ESF. Segundo a justificativa do projeto, O valor ora repassado refere-se ao mês de competência junho/2017, restando pendente de repasse por parte do Governo Estadual, o valor de competência novembro/2017, que tão logo seja repassado ao Município será editado novo Projeto de Lei para repasse do valor aos Agentes Comunitários de Saúde.
O abono salarial representa um incentivo adicional a ser pago aos Agentes Comunitários de Saúde como forma de estímulo financeiro para os que trabalham nos programas estratégicos da política nacional de atenção básica, assim não será incorporado para nenhum efeito legal à remuneração dos servidores. O referido abono está embasado na Portaria GM/SM nº 391/2016, de 08 de novembro de 2016.
Em seguida os vereadores aprovaram o Projeto de Lei n° 029/2018, de origem do Poder Executivo, Cria o Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural, de Desenvolvimento e Turismo Sustentável – COMPHACDTUR. De acordo com a justificativa do projeto, visa unificar os Conselhos do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural – COMPHAC (Lei nº 370/2001 de 02 de maio de 2001) e o Conselho de Desenvolvimento e Turismo Sustentável (Lei nº 942/2009 de 09 de novembro de 2009). Esta unificação visa concentrar os assuntos relativos à Cultura e o Turismo locais em um único Conselho que seja opinativo e possa colaborar nas ações de desenvolvimento locais.
A sua composição será de 08 (oito) membros sendo 03 (três) da representação Pública e 05 (cinco) de entidades e sociedade civil, o que entendemos ser importante no sentido de fortalecer a opinião da população ligada ao setor.
Por fim, os parlamentares aprovaram o projeto de resolução nº002/2018 da mesa diretora, que suplementa dotação orçamentária de R$ 10.000,00. O objetivo é implementar este valor junto ao orçamento do legislativo para pagamento do aluguel do prédio onde está instalada a Câmara de Vereadores.

Prestações de conta
Na sessão ordinária houve também a apresentação do relatório de gestão da saúde 2017/2018, feito pela secretária da saúde Ana Maria Somensi Bruschi, e das metas fiscais relativas ao 1º quadrimestre de 2018, feito pelo contador da prefeitura Ernani Steilmann. De acordo com Steilmann, a cada real que a prefeitura de Monte Belo do Sul arrecada, ela gasta 0,78 centavos. Segundo ele, o município arrecadou R$ 5.458.4012,86 e gastou R$ 4.249.365,70.
Já com relação aos gastos com folha de pagamento, a prefeitura utilizou 47,02% do orçamento (limite da lei é 54%) e a Câmara de Vereadores 2,78% (limite da lei é 6%). Já com relação aos gastos com a saúde, o índice chega a 18,02 % (mínimo da lei é 15%) e na área da educação o investimento foi de 26,16% (mínimo da lei é 25%).

Requerimento
Dois requerimentos em pauta na Sessão. Requerimento de autoria do vereador Noberto Possamai – PTB, com subscrições dos vereadores do PTB, que solicita ao Executivo Municipal a manutenção e conserto na parte elétrica das instalações da Quadra Poliesportiva Dalva Mercedes Vivan, em atendimento a pedidos dos moradores da comunidade. De autoria da Vereadora Nelsa B. Cecconi – PTB, com subscrições dos vereadores do PTB, requerimento de pesar aos familiares de Rosa Berselli Echer pela sua passagem ocorrida no dia 03 de maio de 2018.

Indicações
Duas indicações em pauta. Da Vereadora Nelsa B. Cecconi – PTB, solicita ao Poder executivo que junto a RGE o aumento de capacidade de energia elétrica através de um transformador trifásico para a Comunidade São José, Linha Argemiro. De autoria da Vereadora Nelsa B. Cecconi – PTB, indicação ao Poder Executivo a colocação de lâmpada de iluminação pública e placa indicativa com o nome da localidade 100 da Leopoldina, Capela São Miguel.
A próxima sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Monte Belo do Sul ocorre no dia 05 de junho, às 19 horas.

Varejo goiano elege Vinícola Aurora como melhor fornecedora de bebidas alcoólicas

Empresa recebe pelo quinto ano consecutivo o troféu Carrinho de Ouro da Associação Goiana de Supermercados

A Vinícola Aurora, maior e mais premiada vinícola do Brasil, conquista o troféu Carrinho de Ouro AGOS 2018, como Melhor Fornecedora de Bebidas Alcoólicas do varejo de Goiás.
Pelo quinto ano consecutivo a Aurora recebe esse prêmio, promovido pela Associação Goiana de Supermercados. Trata-se do reconhecimento máximo do setor no Estado. O representante da Aurora na região, Sr. Júlio Penha Peres, recebeu o troféu na cerimônia, em nome da vinícola.
O Carrinho de Ouro AGOS premia empresas e pessoas, varejistas e fornecedores que, no ano anterior, se destacaram em suas áreas de atuação. Os premiados são escolhidos a partir de uma ampla apuração realizada junto ao setor, por empresa especializada em pesquisas de opinião. O voto é facultado a todos os supermercados e fornecedores associados à AGOS e empresas, de todo o Estado, que se inscreveram para participar dessa eleição.
A Vinícola Aurora, sediada em Bento Gonçalves (RS), é líder no mercado brasileiro em vinhos finos, suco de uva integral e coolers, com, respectivamente, 33%, 36% e 79% do share de acordo com a UVIBRA/IBRAVIN/MAPA/SEAPI-RS – Cadastro Vinícola. Está presente em todo o território nacional e exporta para mais de 20 países parte do seu portfólio, composto por 13 marcas e mais de 200 itens.