Paixão pela estrada

Gilberto De Toni, conhecido como “Perdigueiro” é motorista há mais de 20 anos Foto: Marlove Perin

Para algumas pessoas ser motorista é apenas uma profissão, um meio de vida, mas para a grande maioria que se encontra na estrada é uma paixão.
Ser motorista de caminhão é um ofício que exige comprometimento e tempo. Horas seguidas de trabalho e viagens de longa distância são a rotina desse profissional do transporte.
Uma pesquisa realizada em parceria com o Programa Volvo de Segurança do Trânsito (PVST) revelou que 55% dos caminhoneiros gostariam de abandonar a profissão, e 86% não desejam que os filhos sigam a mesma carreira.O transporte rodoviário é o principal modo de deslocamento de carga utilizado no Brasil. Estima-se que 65% de tudo o que é produzido é transportado por caminhões, fazendo com que a figura do caminhoneiro seja uma das mais importantes para o funcionamento do país. A vida na estrada é cheia de aventuras e desafios, alegrias e tristezas. Ser um caminhoneiro significa passar por dificuldades, viver longe da família, viajar pelo país e, acima de tudo, ter histórias para contar.
No Posto de combustível localizado na entrada de Pinto Bandeira, é possível encontrar vários exemplos da profissão de motoristas. O motorista Gilberto De Toni está há mais de 20 anos na estrada autônomo como caminhoneiro, mas sua os cargueiros começou ainda na infância, em viagens com o pai, Gentílio de 76 anos. “Adorava viajar com ele, era muito bom conhecer lugares e pessoas diferentes. Aquela sensação de liberdade ficou até hoje e aqui estou. Toda nossa família é assim. Todos foram motoristas”, comenta.
Hoje, aos 54 anos de idade, o motorista viaja toda semana para São Paulo e chega a ficar de quatro a cincos dias longe de casa. Apesar do amor pela profissão, “Perdigueiro” como é conhecido por todos diz que para ser motorista é preciso vontade de trabalhar e coragem. “Sair para a estrada é como sair para uma guerra, pois você não sabe quem ou o que vai encontrar por lá”, relata.

Conheça os Associados da Asprovinho

Vamos apresentar através de reportagens mensais os associados que fazem parte da Associação. Nesta primeira reportagem falaremos da Colheita Butique Sazonal

Chef Giordano Tarso – Foto Raquel Konrad

A Serra Gaúcha oferece muitas possibilidades de vivências de turismo. Atraídos pelos excelentes vinhos, por uma gastronomia diversificada e de alta qualidade e pelo aconchego e conforto dos hotéis e pousadas instalados no roteiro enoturístico mais famoso do Brasil, eles vêm de todas as partes do país, inclusive do exterior. Uma opção diferenciada, é o município de Pinto Bandeira com cerca de 3 mil habitantes. Vinícolas renomadas estão naquelas terras, distante 12 quilômetros de Bento Gonçalves. Pinto Bandeira tem destaque internacional quando o assunto é vinho, especialmente espumantes, de qualidade e enoturismo.
A Associação dos Produtores de Vinhos de Pinto Bandeira (Asprovinho) foi criada em 29 de junho de 2001 com o objetivo de preservar e valorizar os vinhos e espumantes produzidos no local. A entidade foi essencial no trabalho de garantir que, desde 2010, Pinto Bandeira se tornasse um dos quatro municípios do Rio Grande do Sul com Indicação de Procedência (IP) do vinho. A certificação é concedida pelo INPI e serve para conferir reputação, valor e identidade ao produto. Atualmente, conta com seis vinícolas associadas.
Os vinhos indicados agregam características únicas da geografia e dos modos de produção local. São elaborados exclusivamente com oito variedades autorizadas como procedentes da área geográfica delimitada, a partir de padrões de identidade e qualidade – estes são controlados pelo Conselho Regulador da Indicação de Procedência.
E a história não acaba aí. O município será o primeiro da América a conferir Denominação de Origem (D.O.) a espumantes. A certificação irá abranger espumantes produzidos pelo método tradicional (champenoise) com pelo menos 12 meses de maturação, a partir de três variedades – Chardonnay, Pinot Noir e Riesling Itálico. Todas cultivadas em espaldeira/plantio vertical. Vamos apresentar através de reportagens mensais os associados que fazem parte da Asprovinho: Cooperativa Vinícola Aurora, Vinícola Don Giovanni, Cave Geisse, Valmarino, Empório Castellamare, Terraças, Chef M. Crippa, Casa da Cultura Sueca, Sabores da Montanha, Bistrô Champenoise, Pousada Elida / Colheita Butique Sazonal e Villa Cristina.
Colheita Butique Sazonal
O Colheita Butique Sazonal inova ao apresentar conceitos da cozinha de fogo e técnicas rudimentares de cozinha. São poucos restaurantes brasileiros que buscam este resgate às origens em pratos deliciosos como os oferecidos no local. O casal Giordano Tarso e a Ana Gonçalves, também integrantes do Convivium Slow Food Primeira Colônia, se atentam aos alimentos orgânicos, muitos cultivados nas proximidades do restaurante, e priorizam ingredientes sazonais na confecção dos mais diversos e elaborados pratos. A prática visa o respeito pelo tempo de plantio e colheita para garantir alimentos frescos e mais saborosos.
A ambiência do local é acolhedora e proporcionam uma verdadeira experiência gastronômica ao turista em um local rústico e informal. Aos finais de semana, os almoços funcionam no esquema “menu degustação”, preparados na brasa pelo proprietário e chef Giordano Tarso. Aí é servido um menu degustação de 7 passos, uma verdadeira ode ao sabor. O valor do menu completo está por volta de R$105,00 por pessoa.
O local funciona junto à Pousada Dona Elida, administrada pela mãe do chef, na rua Sete de Setembro, 1471. O horário é funcionamento é de segunda a sexta-feira das 11h30min 13h30min (buffet), sábado das 11h30min às 15h e das 19h às 21h30min e aos domingos das 11h30min às 15h. O telefone para contato e reservas é (54) 99977-1210. Mais informações www.facebook.com/colheitarestaurante.

Vinícola Aurora destaca seus rótulos em dois eventos do mundo do vinho, no Rio de Janeiro, em agosto

Dia 5, no múltiplo Rio Wine & Food Festival, o enólogo Flávio Zílio ministrará Master Class Pequenas Partilhas Notáveis da América e dia 4, no ViniBraExpo, participa da aula de espumantes brasileiros com o premiado Aurora Moscatel,levando ao público o conceito de vinhos brasileiros de alta qualidade através de rótulos da Aurora

Flávio Zílio, enólogo-chefe da Aurora

A partir de 4 de agosto, o Rio de Janeiro será movimentado por uma onda positiva de acontecimentos do mundo do vinho. O mais extenso e diversificado deles é o Rio Wine & Food Festival, do Grupo Baco, comandado pelo expert Marcelo Copello, com diversas ações espalhadas pelas regiões da cidade, para os diferentes públicos.
Antes de abrir as portas para receber os inscritos, a degustação que elegerá os TOP 10 do RWFF, fechada ao público, terá dois rótulos da Aurora pré-selecionados: Aurora Reserva Rosé e Aurora Extra Brut Pinto Bandeira Método Tradicional.
No dia 5, Flávio Zílio, enólogo-chefe da Aurora, comandará a grande Master Class sobre o projeto Pequenas Partilhas Notáveis da América, que a vinícola lançou em 2015 com vinhos de castas emblemáticas de países produtores da América do Sul, elaborados com vinícolas parceiras pelos enólogos da Aurora: Carmenère do Chile, Tannat do Uruguai, Malbec da Argentina e o Cabernet Franc brasileiro. A linha contempla também um azeite extra virgem elaborado no Chile.
Dia 9, a Aurora estará na Feira Show, no Clube Naval Piraquê, na Lagoa. A feira reúne algumas dezenas de produtores dos mais diversos países e a Ala Brasil, que propõe um passeio pelos diferentes terroirs do país.
Os vinhos da Aurora também estarão no Planeta Vinho, parte da programação do RWFF realizada no Planetário da Gávea: feira com venda de vinhos em garrafas e em taças, ampla programação de palestras, cursos de vinho com Marcelo Copello, observação das estrelas com telescópios e aulas com astrônomos.
O RWFF programou várias outras ações paralelas espalhadas pelo Rio de Janeiro, com degustações realizadas por Copello, e a Aurora também estará presente nessas apresentações com três de seus rótulos: o espumante Aurora Pinto Bandeira Extra Brut Método Tradicional e os tintos Pequenas Partilhas Cabernet Franc e Aurora Reserva Tannat.

ViniBraExpo
No dia 4 de agosto, também no Rio de Janeiro, a Aurora leva seus rótulos premiados e consagrados ao ViniBraExpo, o grande festival de vinhos brasileiros, no Shopping Cittá, na Barra da Tijuca. Em seu espaço, a vinícola mostrará uma seleção de seus vinhos mais medalhados e representativos da enologia brasileira de qualidade. Um dos destaques será o Pequenas Partilhas Notáveis da América Cabernet Franc, medalha Duplo Ouro no Concurso Mundial de Bruxelas-Brasil 2018. Na Master class dos espumantes, o Aurora Moscatel Branco será o grande representante desse segmento. O enólogo-chefe da Aurora, Flávio Zilio, estará presente nessa prova.
ViniBraExpo – 4 e 5 de agosto – Città América – Barra da Tijuca – RJ – http://vinibraexpo.com/
Rio Wine and Food Festival – de 6 a 12 de agosto – Rio de Janeiro – RJ – http://www.riowineandfoodfestival.com.br/novo/

Serra Gaúcha ganha maior centro de eventos da Região Sul do Brasil

Empreendimento de R$ 85 milhões vai integrar hotel, centro de convenções, área gastronômica, loja de vinhos, bosque, capela para casamentos e um grande boulevard, atendendo o turismo de lazer, de eventos e o corporativo

O projeto é inspirado na Toscana. O modelo é resultado de dois anos de estudo. O resultado é um complexo único, capaz de atender ao mesmo tempo e no mesmo lugar visitors (turistas de lazer) e MICE (Meeting, Incentive, Congress, Exibitions). Com um investimento estimado em R$ 85 milhões, o Boulevard Convention Vale dos Vinhedos terá 23.600 metros quadrados de área construída, sendo o maior centro de eventos da Região Sul do Brasil a integrar eventos, hospitalidade, enogastronomia e compras. O empreendimento é resultado da parceria entre a Incorporadora VJ&J e o empresário Romeo Paludo.
Quem visita o Vale dos Vinhedos já pode avistar a área de 10.000 metros quadrados que vai abrigar o empreendimento. Na direção Garibaldi – Bento Gonçalves, na margem esquerda da BR 470, no km 221,6. A previsão é de que a obra inicie em 180 dias, com previsão de entrega em menos de três anos. O hotel terá 211 apartamentos com a bandeira da Rede Plaza de Hotéis, Resorts & SPAs. A estrutura de entorno contempla 2.300 metros quadrados de lojas, 1.200 metros quadrados de área gastronômica com três restaurantes, varejo de vinhos com mais de 3 mil rótulos, um bosque, uma capela ecumênica e 342 vagas de estacionamento, sendo 242 cobertas, tudo isso integrado por um grande boulevard.
O Centro de Convenções, com 3.400 metros quadrados de plenárias e foyers e um pé direito de seis metros, permite realizar até nove eventos ao mesmo tempo, cada um com acessos de serviços e social independentes. Projetado com salas componíveis que podem abrigar desde eventos para 60 pessoas até coquetéis para 5.800 convidados, o centro é todo no mesmo nível com 100% de acessibilidade.
O Boulevard Convention Vale dos Vinhedos também chega como um atrativo turístico com traço arquitetônico integrado ao DNA da região, com a ambição de se tornar um ícone local. “Nossa pesquisa identificou que o turista anseia por estrutura e atrativos. Reunimos neste complexo tudo aquilo de melhor que a região tem a oferecer. Estamos apresentando o maior e melhor equipamento da região para atender o mercado eventos e o turismo em geral”, destaca Romeo Paludo.
Hospitalidade, gastronomia, compras, convivência, conforto e experiências. Tudo isso é contemplado neste complexo multiuso, com variedades de opções de fácil acesso. “Fomos minuciosos, ouvimos profissionais de eventos e de turismo, mapeamos necessidades e chegamos a um formato versátil, porém elegante e eficiente.
O pré-lançamento reuniu empresários, autoridades e imprensa em evento realizado na Vinícola Peterlongo, em Garibaldi (RS), no dia 24 de julho. A exclusividade de vendas é da Imopur Corretora e Administradora, de Bento Gonçalves, e imobiliárias parceiras.

Estrutura do Boulevard Convention Vale dos Vinhedos
Hotel com 211 apartamentos – Bandeira Rede Plaza de Hotéis, Resorts & SPAs
2.300 m² de lojas
1.200 m² de área gastronômica
Varejo de Vinhos com mais de 3 mil rótulos
Boulevard aberto com área de convivência
Bosque
Capela ecumênica
342 vagas de estacionamento, sendo 242 cobertas

Centro de Convenções
Área: 3.400m²
Pé direito – 6 metros

Capacidades:
Auditório – 1.700 pessoas
Espinha de peixe – 770 pessoas
Reuniões em U – 480 pessoas
Banquete – 1.740 pessoas
Coquetel – 5.800 pessoas

Brasil estreia na principal feira de vinhos da Colômbia

Expovinos ocorre de 1º a 4 de agosto, em Bogotá. Seis vinícolas representarão a diversidade dos vinhos, espumantes e sucos de uva 100%. Palestras e degustações de rótulos nacionais também serão promovidas durante o evento. Participação conta com o suporte da Embaixada brasileira

Seis vinícolas representarão a categoria na estreia do Brasil na feira Expovinos Crédito: Dandy Marchetti/Ibravin

Com paladar similar aos brasileiros, logística facilitada pela proximidade continental e um mercado de consumidores em crescimento, a Colômbia está entre os 10 principais destinos das exportações vinícolas verde-amarelas nos últimos cinco anos. Manter o país entre os primeiros mercados das comercializações de vinhos, espumantes e sucos de uva 100% faz parte das estratégias dos projetos setoriais Wines of Brasil e 100% Grape Juice of Brazil, desenvolvidos pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) em conjunto com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).
Na próxima semana, as iniciativas, em parceria com Embaixada do Brasil em Bogotá, levam a marca brasileira para a 13ª Expovinos, principal feira de vinhos da Colômbia, que ocorre no centro de eventos Corferias, na Capital. De 1º a 4 de agosto, a pluralidade dos produtos nacionais estará representada por seis vinícolas: Arbugeri, Casa Perini, Miolo, Mioranza, Salton e Santini. Além do Brasil, participam também países das Américas e da Europa.
“Levaremos uma amostra da diversidade, da qualidade e do potencial da indústria vitivinícola brasileira. Os nossos vinhos e espumantes são jovens, leves e autênticos, o que fazem com que sejam reconhecidos e premiados internacionalmente. Outro grande destaque será o suco de uva 100%, que teve um crescimento de mais de 450% dentro do Brasil nos últimos 10 anos”, aponta Diego Bertolini, gerente de Promoção do Ibravin, que estará in loco acompanhando a estreia dos projetos setoriais na feira.
O executivo destaca, ainda, que o objetivo é a consolidação da imagem coletiva.
“Será uma grande oportunidade para o Brasil. Por muitos anos, o mercado colombiano foi um dos principais destinos das exportações de vinhos nacionais. Em 2017, o setor iniciou um trabalho coletivo para construir e consolidar a categoria em países-chave da América Latina”, detalha.
O Embaixador do Brasil em Bogotá, Julio Glinternick Bitelli, destaca a participação brasileira como país convidado e sublinha o potencial do mercado colombiano para o vinho brasileiro.
“Será nossa primeira participação na Expovinos. E é uma excelente oportunidade ter o Brasil como país convidado especial desta 13ª edição da feira, na qual poderemos apresentar os resultados da evolução de nossa indústria vitivinícola. Fechamos 2017 com mais de US$ 15 milhões comercializados no mercado internacional em sucos, vinhos e espumantes, um crescimento de 17,3% nas exportações em comparação com o ano anterior. Nesse contexto de expansão, a Colômbia figura como um grande mercado potencial”, ressalta.

Palestras e degustações brasileiras
Durante a 13ª edição da Expovinos, o Brasil também estará com os holofotes direcionados em palestras e degustações orientadas. Serão três apresentações nos quatro dias de feira.
Às 11h do primeiro dia, o gerente de Promoção do Ibravin, Diego Bertolini, e o sommelier Vinícius de Miranda Santiago farão uma palestra exclusiva para 20 convidados da Embaixada brasileira sobre os terroirs dos vinhos do Brasil. Serão provados os rótulos Moscatel Rio Bravo (Mioranza), Casa Perini Moscatel (Casa Perini), Paradoxo Brut (Salton), Merlot Esfera (Arbugeri) e suco de uva 100% (Santini). A mesma apresentação com degustação orientada será feita por Santiago no dia 3, às 17h, para o público da feira. Serão 45 lugares.
No último dia de evento, às 17h, a Expovinos promove um bate-papo sobre o Brasil e a vitivinicultura, com a presença do embaixador do Brasil Julio Glinternick Bitelli, do gerente de Promoção do Ibravin, Diego Bertolini, e do sommelier Vinícius de Miranda Santiago. A iniciativa é voltada para jornalistas e formadores de opinião.

Sobre o Wines of Brasil e o 100% Grape Juice of Brazil
O Wines of Brasil e o 100% Grape Juice of Brazil são iniciativas de promoção comercial dos vinhos, espumantes e sucos de uva brasileiros no mercado externo, desenvolvidas desde 2002 entre o Ibravin e a Apex-Brasil. Os projetos setoriais contam, atualmente, com a participação de 42 vinícolas e têm como mercados-alvo os Estados Unidos, Reino Unido, China e Paraguai. Nos últimos anos, cerca de 95% das empresas que aderiram às ações conseguiram dar continuidade em suas exportações, devido ao suporte, aos programas de capacitação oferecidos e ao trabalho setorial de consolidação da imagem dos rótulos nacionais no Exterior. Mais informações podem ser obtidas nos sites www.winesofbrasil.com, www.grapejuiceofbrazil.com e www.ibravin.org.br.

Festa do Agricultor em Monte Belo do Sul reune mais de 800 pessoas

No domingo, 29 de julho, mais de de 800 pessoas participaram da Festa do Agricultor promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Bento Gonçalves, Monte Belo do Sul, Pinto Bandeira e Santa Tereza. O evento aconteceu na Sociedade 24 de Maio em Monte Belo do Sul. As atividades iniciaram com missa, seguido de Assembleia. Houve aprovação de mudanças no estatuto com inclusão dos municípios de Pinto Bandeira, Monte Belo e Santa Tereza.
A Festa teve apresentação do humorista, Badin – O Colono, soreio de brindes e animação musical.

 

Inaugurado Café Faccin, a mais nova opção em cafeteria em Monte Belo do Sul

Estabelecimento funciona junto ao mercado e já abriu as portas para clientela

A cafeteria é administrada pelas irmãs e sócias Renata Faccin e Andreia Faccin

Foi inaugurado neste mês de julho o Café Faccin no centro de Monte Belo do Sul. A cafeteria fica junto ao Mercado Faccin. Trata-se de uma cafeteria, onde o público encontra diversidade nos produtos, assim como um lugar aconchegante, com requintes de conforto e satisfação.
O grande diferencial, além da qualidade e do preço acessível, é que a cafeteria funciona junto ao mercado onde as pessoas podem fazer suas compras e parar para uma pausa e beber um café.
A cafeteria é administrada pelas irmãs e sócias Renata Faccin e Andreia Faccin.
Para Renata, a cafeteria oferece um momento de pausa no dia a dia agitado das pessoas. O negócio, quando junta atendimento qualificado e bom sortimento, ajuda a fidelizar os clientes. “Procuramos trazer algo prático para os nossos clientes, além disso, temos o cuidado de ouvir e conhecer os gostos e do que as pessoas mais buscam”, revela.
No novo espaço a meta é acomodar melhor os clientes em um ambiente mais confortável com mesas e cadeiras.
Andreia acredita que o novo espaço vai cativar ainda mais e por estar localizado em uma área movimentada será parada obrigatória no final do expediente das pessoas que moram e passam pelo município

1º torneio Municipal da Bríscola em Pinto Bandeira

A Prefeitura de Pinto Bandeira realizará o 1º torneio Municipal da Bríscola no domingo, 16 de setembro no Salão Paroquial do município. As inscrições podem ser feitas no dia e no local do evento de forma gratuita a partir das 8 h da manhã. Os jogos iniciam após a missa.
Ao meio dia será servido almoço típico com o seguinte cardápio: churrasco, galeto, massa, salada, pão, vinho e refrigerante. Valor R$ 50,00 por pessoa.
Premiação
Ganhadores: 1º ao 4º lugar – Troféu e 10% do valor arrecadado que será dividido
5º ao 10ºlugar – Medalha
Perdedores: 1º ao 3º lugar – Troféu e 6% do valor arrecadado que será dividido
4º ao 6º lugar – Medalha
Repescagem: 1º e 2º lugar – Troféu e 4% do valor arrecadado que será dividido
3º e 4º lugar – Medalha
Prêmio cortesia doado pelo Salão Paroquial.
Critérios para participar do Torneio: Nascidos em Pinto Bandeira, com propriedades territoriais em seu nome, domicílio eleitoral em Pinto Bandeira, filhos de pais naturais de Pinto Bandeira, com carteira assinada ou contrato de trabalho do município, esposa ou mães nascidas em Pinto Bandeira.
O evento promovido pela Prefeitura de Pinto Bandeira por meio da Secretaria de Educação, Cultura, Turismo, Esporte, Lazer, Assistência Social e Habitação e em parceria com o Salão Paroquia em comemoração aos 52 anos de emancipação do município.

Vereadores aprovam por unanimidade de votos projeto entre município e DAER para abertura de crédito especial e pedem vistas dos outros dois projetos

Na Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Monte Belo do Sul realizada na terça-feira, 17, os vereadores aprovam um projeto por unanimidade de votos e pediram vistas de outros dois. Todos os projetos são de origem do Executivo.
A primeira matéria votada foi o PL nº37 que altera redação do art. 4º da lei municipal 926/2009. Os vereadores pediram vista do projeto que voltará na próxima sessão. Segundo a justificativa da matéria atualiza e autoriza a realização de transporte escolar. A alteração visa ajustar os períodos de inscrições dos estudantes que necessitem do transporte escolar junto a SMED – Secretaria Municipal de Educação e Desporto, para melhor organização dos trabalhos na Secretaria, especialmente quanto a programação e encaminhamento dos processos licitatórios para contratação do serviço de transporte escolar, que atualmente é terceirizado e, na época de edição desta Lei, era realizado com veículo da municipalidade. A Lei Municipal 926/2009 pode ser acessa no link: http://leisnaweb.com.br/mostrar ato/?ato=831&host=montebelodosul&search.
Em seguida, os vereadores pediram vistas do PL nº 38/2018. A matéria institui o código de edificações do município. Segundo a justificativa do projeto a alteração visa atualizar a legislação municipal que versa sobre o tema, a fim de contemplar as necessidades atuais do município, pois a Lei anterior já era antiga e necessitava de uma revisão geral. Os dois projetos serão votação em 1º votação.
Por fim, o plenário aprovou por unanimidade de votos o PL nº 39/2018, que abre crédito especial no valor de R$ 444.506,23. De acordo com a justificativa do projeto o recurso oriundo de convênio entre o município e o DAER para execução de pavimentação asfáltica na Comunidade de Santo Isidoro.

Campanha de vacinação contra sarampo e poliomielite para crianças acontece em agosto

Fiocruz promove hoje (08), campanha de vacinação contra sarampo e paralisia infantil. Além da vacinação há diversas atividades educativas promovidas pela instituição (Tomaz Silva/Agência Brasil)

De 6 a 31 de agosto acontece em todo Brasil a Campanha Nacional de Vacinação contra Poliomielite e Sarampo. A campanha é voltada exclusivamente às crianças com idade entre 12 meses e menores de cinco anos, incluindo as que já receberam as vacinas anteriormente. O Dia D da campanha está marcado para 18 de agosto. A Unidade Básica de Saúde de Monte Belo do Sul está disponibilizando a vacina.
Por meio de nota, o ministério da saúde informou que, atualmente, a cobertura vacinal no Brasil contra a poliomielite é de 77%. Diante de casos identificados na Venezuela, a pasta enviou nota de alerta para estados e municípios sobre a importância de alcançar e manter cobertura maior ou igual a 95%, além da necessidade de notificação e investigação imediata de todo caso de paralisia flácida aguda que apresente início súbito em indivíduos menores de 15 anos.

Doença
A poliomielite, também conhecida como paralisia infantil, é uma doença infectocontagiosa viral aguda, caracterizada por um quadro de paralisia flácida de início súbito.
A transmissão ocorre de pessoa para pessoa, pela via fecal-oral (mais frequente); por objetos, alimentos e água contaminados com fezes de doentes ou portadores; ou pela via oral-oral, através de gotículas de secreções (ao falar, tossir ou espirrar).
Não existe tratamento específico – todas as vítimas de contágio devem ser hospitalizadas.
A vacinação é a única forma de prevenção da poliomielite. Todas as crianças menores de 5 anos de idade devem ser imunizadas conforme esquema de rotina e em campanha nacional.