Lidio Carraro lança primeiro vinho de ânfora do Brasil

Lote chega com 1,2 mil garrafas de um corte entre as variedades Merlot, Pinot Noir e Nebbiolo, elaboradas nas duas primeiras ânforas feitas com argila da propriedade da Lidio Carraro

O projeto é inédito no Brasil e chega com a proposta de oferecer um vinho único e surpreendente, fermentado em recipientes de terracota – cerâmica – produzidos com a argila do solo da propriedade da Lidio Carraro em Encruzilhada do Sul, Serra do Sudeste Gaúcho. O vinho da Safra 2018 é um corte das variedades Merlot, Pinot Noir e Nebbiolo, e expressa a filosofia purista da vinícola instalada no Vale dos Vinhedos. Colecionadores e apreciadores de vinhos inusitados poderão adquirir as 1,2 mil garrafas em avant-première durante a Wine South America.

Foto: Giovanni Carraro // Créditos: Divulgação

Idealizado pelos irmãos Giovanni Carraro, enólogo responsável e Diretor Técnico, e Juliano Carraro, enólogo e Diretor Comercial, o projeto avança na busca de vinhos com expressão autêntica, desta vez com uma porção adicional de terroir, literalmente. “A ideia nasceu do desejo de proporcionar a mais íntima relação entre as uvas e o solo do nosso terroir. Por isso, extraímos a argila dos nossos vinhedos”, esclarece Juliano Carraro. Cozidas a 1.200°C, a argila foi transformada em cerâmica não vitrificada. O processo de fabricação das ânforas foi conduzido por uma oleira gaúcha.

Foram escolhidas as variedades Merlot, Pinot Noir e Nebbiolo, pois são uvas com identidade, corpor e complexidade e, ao mesmo tempo, permitem destacar com nitidez a mineralidade que o contato com as ânforas pode proporcionar. “Inspirado no conceito purista de resgate à essência, estas uvas buscam refletir o contato íntimo do solo com a identidade dos vinhos para a expressão do terroir em sua máxima pureza. Nossas ânforas mantém a porosidade do material natural”, comenta o enólogo Giovanni Carraro.

A Lidio Carraro aproveita a Wine South America, que acontece de 26 a 29 de setembro em Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, para realizar a avant-première. Durante a feira, a vinícola estará disponibilizando 600 cotas deste vinho, cada uma com direito a duas garrafas por CPF. Uma oportunidade em primeira mão para quem aprecia vinhos Premium e Ultra Premium, feitos para colecionadores. “Estabelecemos duas garrafas pensando na experiência do apreciador que pode abrir e degustar a primeira, deixando a segunda para mais tarde. Assim, será possível acompanhar a evolução do vinho”, explica o enólogo. A previsão é de que o vinho seja entregue em 2020. O valor de cada cota é R$ 549 com frete grátis para capitais e regiões metropolitanas. Além de ter acesso a este primeiro lote do projeto, o comprador também passa a ser membro do Lidio Carraro Collection Club.

O processo de elaboração
Cada variedade fermentou separadamente nas ânforas (são duas ânforas, cada uma com capacidade 500 litros) por um período de 12 a 25 dias, permanecendo por mais 20 dias para finalização da fermentação malolática. Em 100% do processo, foram utilizadas leveduras naturais ou “indígenas”. Os vinhos permaneceram, em média, 90 dias em ânforas, sendo após acondicionados em pequenos tanques de aço inox para proporcionar o resfriamento, ajudando na limpidez para o processo natural de decantação. Após esse período, os vinhos foram mesclados em justas proporções, buscando valorizar características relevantes da cada casta. “É possível perceber a evidência da mineralidade agregada pela ânfora”, relata o enólogo responsável. O vinho ainda fará mais um estágio de 60 dias nas ânforas antes de ser engarrafado, devendo permanecer por pelo menos 12 meses na vinícola antes de ser disponibilizado ao comprador.

Lidio Carraro Collection Club
Amantes do vinho que buscam experiências em torno de rótulos únicos já podem contar com o Lidio Carraro Collection Club, um clube criado pela Lidio Carraro Vinícola Boutique para proporcionar aos apreciadores da bebida momentos de raro prazer. Além de receber três vezes por ano uma seleção de dois rótulos inigualáveis em casa, os membros também usufruem de condições diferenciadas como degustações particulares e valores especiais em compras presenciais e online. São diversas opções de pacotes que variam de R$ 209 a R$ 539 por seleção. As vantagens e benefícios mudam conforme a modalidade, mas sempre com caráter exclusivo, contemplando diferentes paladares.

Goethe desperta o interesse de visitantes na Wine South America

Típico, raro e único. Palavras registradas sob a paisagem de um parreiral diferente com a descrição Goethe chamam a atenção de visitantes. Logo elas são comprovadas com uma breve experiência de degustação em taças. As peculiaridades dos vinhos brancos, frisantes e espumantes Goethe estão sendo descobertas durante a Wine South America 2018, em Bento Gonçalves (RS). O evento segue até sábado, dia 29.

Foto: Vinhos Goethe // Fotógrafo Henry Goulart

O estande 97 concentra as vinícolas inseridas na região Vales da Uva Goethe, no sul de Santa Catarina, sendo a primeira e única Indicação de Procedência do setor vinícola do Estado. Os produtos apresentam aos profissionais do setor e enófilos, tipicidade brasileira, leveza, frescor, aromas, jovialidade, novos conceitos e agradáveis surpresas. A rica história centenária ligada à imigração italiana, a localização entre o mar e a serra e o terroir são outros encantos.

Uma oportunidade de apreciar estes vinhos unindo conhecimento acontecerá neste sábado, dia 29, a partir das 14 horas, na Wine Tasting, área de apresentação e degustação. Na ocasião, a sommelier de São Paulo, Sonia Denicol, conhecida como Madame do Vinho, conduzirá um momento de apreciação de seis produtos diferentes, entre vinhos e espumantes Goethe.

Foto: Vinhos Goethe // Fotógrafo Henry Goulart

Segundo Sonia, os aromas de frutas cítricas e nativas brasileiras somados a notas minerais e toque salino asseguram tipicidade aos vinhos Goethe. Fatores que os transformam em escolhas perfeitas para o clima tropical do Brasil. Ainda na Masterclass serão divulgadas duas novidades envolvendo parcerias com o território Vales da Uva Goethe. Os protagonistas são o movimento internacional Slow Food e a Scuola Enologica ISISS “G.B. Cerletti” di Conegliano, a mais antiga da Itália, com quem irá executar um programa de pesquisa e desenvolvimento qualitativo.

Esta diferente experiência sensorial a partir de produtos singulares de Santa Catarina poderá ser vivenciada por enólogos, sommeliers, jornalistas e apreciadores de vinho. As últimas vagas de participação para esta degustação guiada devem ser efetuadas pessoalmente na área Wine Tasting ou garantidas previamente através do site: https://winesa.com.br/site/2018/pt/winetasting

VALES DA UVA GOETHE
A Associação dos Produtores da Uva e do Vinho Goethe (ProGoethe) reúne a cadeia produtiva com o objetivo de elevar a imagem deste produto distinto e raro a fim de preservar, por meio do cultivo desta tradição feito por pequenos produtores, a identidade e cultura de descendentes de italianos no sul de Santa Catarina através da vinificação e harmonização com a gastronomia típica local. No território Vales da Uva Goethe, detentor da primeira e única Indicação de Procedência (IP) do setor vinícola catarinense, são produzidos vinhos brancos, frisantes e espumantes que apresentam sabor marcante e refrescante acompanhado de um delicioso aroma frutado e floral com notas de mel.

Na Wine South America – Feira Internacional do Vinho, os produtos Goethe estão no estande 97, em frente ao auditório principal, representados pelas vinícolas Casa Del Nonno, De Noni, Quarezemin, Vigna Mazon e Trevisol. Além deste espaço, o Goethe será evidenciado na Wine Conference, local destinado a palestras. No dia 27 de setembro, às 16 horas, a secretária da Associação dos Produtores da Uva e do Vinho Goethe (ProGoethe), Patricia Mazon Freitas irá conduzir o tema “A trajetória da Uva e Vinho Goethe no Sul do Brasil: da Arca do Gosto (Slow Food) à Indicação de Procedência dos Vales da Uva Goethe (INPI)”.

Foto: Vinhos Goethe // Fotógrafo Henry Goulart

WINE SOUTH AMERICA 2018
A primeira edição desta Feira Internacional do Vinho na América do Sul reunirá cerca de 250 marcas nacionais e internacionais. O evento busca promover e ampliar a geração de negócios dos vinhos brasileiros, a excelência da produção nacional e a diversidade das regiões vinícolas. Além disso, contará com a apresentação de rótulos internacionais provenientes da Argentina, Chile, Uruguai, Austrália, Itália, Eslovênia, Áustria e Suíça, e de produtores de cafés, cachaças e azeites. Degustações, premiações, treinamentos e palestras conduzidos por profissionais referências no mercado nacional e internacional completam a grade de programação. A Wine South America é uma realização da Milanez & Milaneze, empresa promotora da feira e subsidiária da italiana Veronafiere.

Contatos – Entrevistas:
Patricia Mazon – Secretária da ProGoethe – 48 3465 1500 / 48 99921 9616
Matheus Damian – Vinícola Casa Del Nonno – 48 98419 8355

Contatos – Assessoria:
Thaise De Jesus – Agência Ilustre – 48 99672 8844
Eliana Maccari – Jornalista MTB SC04834JP – 48 99918 9386

ExpoBento 2019 expande oportunidades de comercialização de espaços

Feira estende negociações para expositores de todas as localidades

Rumo a sua 29ª edição, a ExpoBento expande as oportunidades para os interessados em participar da maior feira multissetorial do Brasil, cuja próxima edição ocorre de 13 a 23 de junho de 2019, em Bento Gonçalves. A comercialização dos espaços está sendo estendida para interessados de todas as localidades do Estado e país. Ao confirmar sua presença antecipadamente, o empresário se beneficia de facilidades como prioridade na escolha da localização do estande e parcelamento estendido para o pagamento do investimento. “Com esse tempo, os futuros expositores conseguem planejar de forma adequada sua participação na feira, trabalhando não só na programação financeira, mas no estudo de mix de produtos, preparação de novidades e estratégias de divulgação. Assim, podem extrair o máximo de aproveitamento dessa ação estratégica que é estar presente no maior encontro multissetorial do país, que atrai mais de 200 mil visitantes em onze dias de intensa agenda de atrações”, explica José Carlos Zortea, responsável pela Comercialização.

Foto: ExpoBento 2019 ocorre de 13 a 23 de junho e está comercializando espaços de exposição // Créditos: Jeferson Soldi

Incentivando de forma especial o desenvolvimento da economia de Bento Gonçalves, cidade que acolhe a feira há quase três décadas, a ExpoBento mantém condições diferenciadas para as empresas locais e/ou associadas ao Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves (CIC-BG), entidade promotora da feira. Há descontos especiais no valor do metro quadrado dos espaços.

Em 2019, a ExpoBento deve reunir mais de 400 expositores de segmentos como indústria, imóveis, comércio, serviços, gastronomia, automóveis e outros – oferecendo variedade de compras e entretenimento para todos os públicos. Referência para empresários que buscam bons negócios, a feira é uma vitrine para promover vendas, fortalecer a divulgação de marca e fomentar novas parcerias. Outras informações e contatos comerciais podem ser obtidos pelos telefones (54) 2105.1966 ou (54) 9.9139.2951

Espumantes brasileiros impressionam Master of Wine britânico na Wine South America

Especialista Alistair Cooper ministrou degustação temática durante a Feira Internacional do Vinho

De taça em mãos, um dos maiores especialistas mundiais em vinhos declarou: “Estou surpreso e impressionado com a qualidade do que já vi até aqui”. Alistair Cooper, Master of Wine britânico, protagonizou uma das mais aguardadas masterclass na programação da Wine South America 2018 – feira internacional de vinhos que ocorre em Bento Gonçalves (RS) até o próximo sábado, 29.

Foto: Alistair Cooper em palestra na Wine South America // Crédito: Vagão Filmes

A degustação técnica ‘Diferentes Estilos de Espumantes Brasileiros’ ocorreu na tarde de quinta-feira, 27 de setembro. Perante um auditório lotado, ele degustou nove espumantes nacionais, compartilhando com o público as experiências que cada bebida lhe despertou aos sentidos. Sua avaliação destacou a qualidade dos espumantes com rótulo do Brasil, especialmente na Serra gaúcha. “É muito interessante ver os diferentes tipos de espumantes que podem ser produzidos nesta região. Todos os produtos degustados apresentam riqueza e equilíbrio entre açúcar e acidez – a altitude e a variação de temperatura entre dia e noite são fatores chave para essa produção. Além disso, possuem boa relação custo e benefício. Portanto, penso que a chave é o Brasil se posicionar como produtor Premium e focar no método tradicional, que transmite mais seriedade”, comentou.

Hábitos de consumo
A degustação técnica permitiu a Cooper salientar as diferenças nos hábitos de consumo sul-americanos e europeus – que preferem bebidas secas. “Há uma tendência de que os americanos de modo geral preferem vinhos mais adocicados e menos secos. Ao mesmo tempo, os britânicos preferem bebidas secas – mas isso não quer dizer que vinhos doces não são bons. É apenas uma questão de hábito e um reflexo de como a indústria estimula esse consumo. Na Inglaterra as pessoas não conhecem muito os espumantes brasileiros, mas deveriam, porque são muito bons e elegantes. Precisamos de ‘embaixadores’ para levar essas bebidas ao mundo”, encorajou Cooper.

Quem é Alistair Cooper
Alistair Cooper é inglês e, durante muitos anos, aprofundou seus conhecimentos sobre os vinhos da América do Sul. Tanto é que o tema de estudos que o tornou um Master of Wine foi sobre a região de Itata, no Chile. Esse título, concedido pelo Institute of Masters of Wine, é o mais respeitado no universo vitivinícola – principalmente em razão do rigor e dos altos padrões de exigência associados a sua concessão. Apenas 370 pessoas possuem essa capacitação atualmente, ou seja, os profissionais mais gabaritados.

Como jornalista, Cooper contribui para as seguintes publicações: Decanter, Decanter.com, a Wine Business International, Drinks International, entre outras. É juiz em diversos concursos espalhados pelo mundo, incluindo a degustação anual da revista Decanter, o International Wine Challenge e o Catad’Or Wine Awards, do Chile.

SERVIÇO
O quê: Wine South America 2018 – Feira Internacional do Vinho.
Quando: de 26 a 29 de setembro, das 12h às 21h
Onde: Bento Gonçalves, RS
Local: Parque de Eventos de Bento Gonçalves (alameda Fenavinho, 481)
Informações e ingressos: www.winesa.com.br

Prefeitura, entidades e varejo começam a definir estratégias para fortalecer comércio garibaldense

Resultados da pesquisa, desenvolvida em conjunto por entidades e empresariais e Prefeitura servirão de base para estratégias e ações

A união de esforços entre as três entidades empresariais que representam o varejo em Garibaldi e a Prefeitura vai possibilitar a realização de ações que promovam o setor no município e ofereçam condições para que os empreendedores, colaboradores e a comunidade possam usufruir de um comércio fortalecido e com serviços qualificados, além de produtos, preços e condições de pagamento que proporcionem bons negócios para consumidores e lojistas. Este é o objetivo da pesquisa realizada entre maio e julho, a partir da observação da movimentação do varejo e de entrevistas com proprietários de estabelecimentos comerciais e clientes.

Foto: Apresentação pesquisa Comércio // Créditos: Cassius Fanti

A apresentação dos resultados do trabalho, inédito no interior do Rio Grande do Sul, foi realizado na noite de quinta-feira, 27 de setembro. Profissionais do varejo de Garibaldi conheceram o estudo que foi realizado sobre o comércio, perfil e estilo de vida do consumidor, além das possibilidades de melhoria e crescimento para os empreendimentos locais. Desenvolvido a partir da integração entre a Apeme, CIC e CDL, com o patrocínio da Prefeitura, o projeto foi executado pela Somos Romagna Mkt + Pesquisa.

A responsável pela pesquisa, Cristiane Romagna, destaca que o varejo vive um momento de muitos desafios, seja pela concorrência com a internet ou com a informalidade, seja pela instabilidade e incertezas da economia brasileira, ou, ainda, pela rápida mudança de hábitos dos consumidores. Porém, ela salienta que é preciso ficar atento às chances de inovação que surgem, diferenciar-se dos concorrentes e investir em ações para atrair e, principalmente, fidelizar o cliente. “O objetivo do trabalho foi compreender como o varejo de Garibaldi é percebido, identificando quem são as pessoas que compram, qual seu perfil, seus desejos e suas necessidades para identificar oportunidades e alavancar as vendas”, salientou. Cristiane destacou que os consumidores, de modo geral, afirmaram que tudo o que precisam encontram no comércio de Garibaldi. Ela também apontou quais são os principais pontos que precisam receber maior atenção do varejo, assim como quais são as principais demandas que existem.

Durante a apresentação também houve o debate sobre as oportunidades que podem ser melhores aproveitadas, assim como melhorias de processos e diretrizes para desdobramentos de ações conjuntas para o fortalecimento setorial. Conforme a pesquisadora, com o resultado do estudo, as três entidades e a municipalidade terão subsídios para planejar iniciativas de curto, médio e longo prazo.

Fonte: Cassius Fanti/Assessor de Comunicação da CIC Garibaldi

Atividades da Semana Nacional do Trânsito conscientizam em Garibaldi

Motoristas, pedestres, motociclistas e ciclistas: todos integram o trânsito e a atenção conjunta deve ser constante. Durante a Semana Nacional do Trânsito, realizada de 18 a 25 de setembro, a Prefeitura de Garibaldi, por meio da Secretaria Municipal da Segurança e Mobilidade Urbana reforçou as medidas educativas para que a sociedade reflita sobre uma nova forma de encarar a mobilidade.

Foto: Atividades da Semana do Trânsito Escola João Machado Rosa // Créditos: Micheli de Oliveira

Neste ano, o tema da campanha foi “Nós somos o trânsito” lembrado em faixas em pontos de grande circulação de motoristas e pedestres em Garibaldi. E nas escolas, o tema foi abordado de forma ainda mais especial. Cerca de 1.300 estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental de 12 escolas municipais, estaduais e particular, receberam a Miniescola de Trânsito: uma estrutura é montada recriando o trânsito real, com veículos, faixas de segurança, placas de sinalização, semáforo para veículos e pedestres, e lombada eletrônica. Os estudantes embarcavam em um miniônibus criado especialmente pela Secretaria, para simular o tráfego.

Além da Miniescola de Trânsito, os alunos ainda receberam informações dos instrutores dos Centro de Formação de Condutores (CFCs) Autonomia e Casagrande, que são parceiros na realização da ação, junto à Brigada Militar. As crianças ainda receberam um jogo da memória com diferentes placas, para memorizar a sinalização brincando.

O projeto tem o intuito de trazer benefícios a longo e a curto prazo, uma vez que as atividades realizadas com as crianças têm por objetivo a conscientização para que no futuro se tornem motoristas responsáveis, e hoje pedestres educados.

Conforme o Secretário da Segurança e Mobilidade Urbana, Carlo Mosna as estatísticas mostram que os resultados são melhor recebidos quando disseminamos as informações pelas crianças, porque elas cobram dos pais. “Além disso, ensinamos a eles desde cedo sobre o respeito e normas no trânsito. A interação das crianças foi positiva, notamos a empolgação e a interação delas no momento em que a atividade era recriada, motivando-as a alertarem os pais do que aprenderam no momento em que se depararem com a realidade do trânsito” avalia o secretário Carlo Mosna.

Para a diretora da EMEF Attílio Tosin, Ivete Benini, a atividade foi muito produtiva, uma vez que a diversão aliada a educação, é uma excelente ferramenta para a formação do cidadão. Já a equipe diretiva da escola EEEF Carlos Gomes, relata que os alunos e os pais ficaram muito entusiasmados com a palestra e com o material de divulgação. “Certamente iremos notar diferença positiva no trânsito de nosso município, pois estamos desenvolvendo com as crianças ações de respeito a vida e a cidadania” avaliam as professoras.

Ao final das atividades, ainda houve a distribuição de material informativo nas vias de maior circulação do município.

Gravações do filme “Os Dragões” ocorrem em Garibaldi

Garibaldi volta a ser cenário de um longa-metragem. As gravações do filme “Os Dragões” ocorreram na noite da quarta-feira, 26, terminando na madrugada. A obra de ficção é baseada em contos de Murilo Rubião e tem direção de Gustavo Spolidoro. Na sinopse, cinco jovens chegam a uma cidade e assustam a todos com seus poderes pirotécnicos.

Foto: Gravações do filme “Os Dragões” // Créditos: Jean Teixeira

Para o diretor executivo, Chico Denis, o Município foi escolhido por ter cenários semelhantes ao dos contos e pela proximidade do diretor com a região, que tem familiares em Veranópolis e lembranças de criança da paisagem serrana. O lançamento está previsto para 2020.

Para o secretário de Turismo e Cultura, Paulo Salvi, cada filmagem é motivo de orgulho. “Isto mostra que estamos organizados e prontos para receber sempre novos projetos”, destaca. Salvi lembra também que a criação da Rota Cinematográfica Garibaldi: uma cidade de cinema foi possível justamente pela atuação da Film Commission e do comprometimento com que atua nas captações e apoio das produções.

As filmagens foram realizadas na via férrea da Maria Fumaça, perto do Passeio da Barragem. A ação contou com apoio da Garibaldi Film Commission, Secretaria de Turismo e Cultura, Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana e Brigada Militar.

Garibaldi entrega placa de Embaixador do Turismo a Tarcísio Michelon

O Dia Mundial do Turismo é comemorado em 27 de setembro. Em homenagem à data, a Prefeitura de Garibaldi instituiu o Prêmio Embaixador do Turismo de Garibaldi. Nesta quinta-feira, em sua V edição, o homenageado foi Tarcísio Michelon.

O presidente do Conselho de Turismo de Garibaldi e proprietário do Hotel Casacurta, César Nicolini, destacou a capacidade de sonhar e realizar que envolve o setor turístico. Citou também o esforço de Tarcísio para que o setor se desenvolvesse na região de forma sustentável, promovendo também a rentabilidade de todos ao seu redor.

Foto: Prêmio V Embaixador do Turismo // Créditos: Alexandra Ungaratto

A presidente da Aenotur e criadora da premiação, Ivane Fávero, destacou o olhar diferenciado de Tarcísio, no sentido de olhar do empreendimento para fora. “Sem a iniciativa privada não há turismo. O valor social que um empresário pode gerar é imprescindível, como foi feito nos Caminhos de Pedra”, explicou. Ivane lembrou também que agora a Rede Dall’Onder chega a Garibaldi trazendo sua já reconhecida qualidade.

O prefeito em exercício, Antonio Fachinelli, reforçou que a região tem bastante a agradecer a Tarcísio. “O Município, em um gesto simples, mas expressivo, reconhece o trabalho de muitos anos em prol do setor que se tornou fundamental para o desenvolvimento da região”.

Em sua fala, Tarcísio Michelon lembrou a importância da integração de municípios e regiões para o desenvolvimento do turismo. Disse que o grande aprendizado é reconhecer o que é “nosso”, o que é típico da serra: o sotaque, a gastronomia, as pessoas. Sobre a regionalização da Rede de hotéis que comanda, Tarcísio brinca dizendo que amplia, mantendo as características porque “em todos haverá sopa de cappelletti”, reforçando a identidade italiana que hoje é sinônimo de qualidade e sucesso reconhecidos em todo o Brasil. Salientou também que o crescente número de leitos que serão construídos em Garibaldi ajudará a movimentar toda a cadeia turística, incluindo o turismo de negócios.

Para o secretário Paulo Salvi, Tarcísio é um ícone do turismo regional e uma referência no Brasil, pelo poder visionário, colocando a máxima de que turismo somente acontece com a regionalização e envolvimento de todo trade. “É um reconhecimento validado pelo Conselho e pela comunidade garibaldense”, destacou.

O Prêmio Embaixador do Turismo de Garibaldi é uma iniciativa da prefeitura de Garibaldi, por meio da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura, e do Conselho Municipal de Turismo (Comtur).

A homenagem
Todos os anos, são apresentados candidatos ao Conselho Municipal de Turismo (Comtur), que escolhe quem receberá a homenagem. Este ano a homenagem ocorreu no próprio Dia Mundial do Turismo, 27 de setembro. A homenagem busca prestigiar personalidades, garibaldenses ou não, que atuam na promoção do turismo e das ações do município.

Tarcísio Michelon
É engenheiro mecânico formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Chegou a trabalhar em uma multinacional em Canoas, mas voltou para a Serra Gaúcha quando percebeu que a vocação turística da região havia estagnado — pela falta de asfalto na década de 1960 e devido a rival novidade dos veraneios no Litoral.

Filho de hoteleiros, o empreendedor completa 38 anos de trabalho na rede de hotéis Dall’Onder, onde é diretor-superintendente. Recebeu a Medalha Mérito Farroupilha em agosto de 2013, distinção concedida pela Assembleia Legislativa a personagens que contribuem para o desenvolvimento do Estado. Gosta de lembrar que figurou a série Gente que Faz, exibida durante quatro anos em horário nobre, na Rede Globo. A série apresentava casos de sucesso, das décadas de 80 e 90, de empreendedores brasileiros.

Também preside o instituto Tarcísio Vasco Michelon, que trabalha com quase 300 crianças em situação de vulnerabilidade social.

Embaixadores do Turismo de Garibaldi:
2014 – Mariana Milani
2015 – Marta Rossi
2016 – Glauco Urbim
‎2017 – Alexandra Aranovich

Projeto Comprador aproxima vinícolas do mercado e fomenta negócios na Wine South America

Comprometida com a promoção de negócios, a Wine South America tem no Projeto Comprador um dos principais instrumentos de estímulo para aproximar comercialmente o vinho nacional dos mercados brasileiro e internacional – cumprindo, assim, outro propósito da feira: oferecer visibilidade aos produtos do país.

Foto: Projeto Comprador da Wine South America fortalece negócios para o setor // Créditos: Vagão Filmes

O resultado desse trabalho aparece por meio de diversos exemplos de parcerias consolidadas. Julian Ochoa Herrera é gerente de mercado e vendas do Grupo Grajales, de Cali, na Colômbia. Apesar de ter morado três anos no Brasil, ele costumava beber vinhos chilenos e argentinos. Quando teve a oportunidade de provar o vinho brasileiro, foi taxativo na avaliação”. Quanto à qualidade não há o que discutir, são muito bons”, reconheceu. Daí para os negócios a distância foi pequena.

O grupo de Herrera faz parte das 22 empresas presentes no setor internacional do Projeto Comprador, viabilizado pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex). Ao todo, serão promovidas cerca de 460 rodadas de negócios durante a feira, com representantes de empresas de 10 países – Chile, Peru, Paraguai, Colômbia, Panamá, Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Espanha e Rússia.

Alguns desses encontros podem gerar vendas imediatas, mas muitas delas acabam sendo concretizados no pós-feira. Herrera, por exemplo, acredita que importará, no próximo ano, espumante e suco brasileiros – um negócio que já está em seus planos desde agora.

Além de facilitar as transações internacionais, o Projeto Comprador tem um braço nacional para incentivo de negócios dentro do Brasil. Compradores de todos os 27 Estados da federação estão negociando com 65 vinícolas inscritas no projeto, viabilizado em parceria entre o Ibravin e o Sebrae.

Mais do que intermediar vendas, o Projeto Comprador também aproxima os negociantes das paisagens vinícolas da área da Serra gaúcha, um plus que só feiras como a Wine South America, realizada na região produtora, oferece. Herrera conheceu os vinhedos da Cave Geisse e Don Giovanni, ambas em Pinto Bandeira, a poucos quilômetros do Parque de Eventos onde se realiza a mostra internacional de vinhos. Essa contrapartida é um ganho colateral positivo que fortalece o enoturismo, contribuindo para o desenvolvimento da economia da região e, consequentemente, beneficiando as vinícolas.

As rodadas do Projeto Comprador ocorrem, ainda, nesta sexta-feira (28). Já a Wine South America segue aberta à visitação até o dia 29 de setembro.

SERVIÇO
O quê: Wine South America 2018 – Feira Internacional do Vinho.
Quando: de 26 a 29 de setembro, das 12h às 21h
Onde: Bento Gonçalves, RS
Local: Parque de Eventos de Bento Gonçalves (alameda Fenavinho, 481)
Informações e ingressos: www.winesa.com.br

Spa do Vinho lança Wine Society, um clube de vinhos brasileiros

Seleção dos rótulos será feito por uma curadoria especializada

Imagine receber mensalmente, na porta da sua casa, dois vinhos brasileiros escolhidos por uma curadoria especializada e ainda ter direito a benefícios exclusivos? Essa é a proposta do Spa do Vinho Wine Society, um clube de vinhos nacionais selecionados por profissionais do mundo de Baco especializados na produção vitivinícola brasileira. “Teremos vinhos tanto de grandes, como de pequenas vinícolas. Serão rótulos representativos de cada terroir, com qualidade garantida garimpada por um time de experts, sommeliers e enólogos do Spa do Vinho”, explica a sócia-diretora Deborah Villas-Bôas Dadalt. E acrescenta: “O nosso Wine Society é o único do gênero que, além de ser um clube virtual, possui também uma estrutura física à disposição do assinante, o condomínio vitivinícola Spa do Vinho, com todos os seus serviços de enoturismo, produção e vinhedos próprios.”

Fotos: Spa do Vinho/Divulgação

Ao participar do Wine Society, o sócio terá ainda muitos outros benefícios como usufruir de serviços exclusivo do Spa, considerado o mais completo complexo de enoturismo do Brasil, localizado em Bento Gonçalves, no Vale dos Vinhedos. “Os participantes também se tornarão membros da nossa Confraria e poderão participar de degustações orientadas, jantares harmonizados, além de cursos e eventos ligados ao mundo do vinho”, complementa Deborah. Os benefícios serão extensivos ao cônjuge e envolvem também redução no pagamento de degustações promovidas pelo empreendimento, acesso ao Vino.Spa Centro Vinoterápico (de acordo com a assinatura escolhida), além de outras muitas facilidades.

Segundo Deborah, essa é uma oportunidade única de conhecer as potencialidades e a qualidade da produção vitivinícola nacional. “Nossos vinhos competem tranquilamente com as bebidas internacionais, com destaque em concursos renomados e reconhecidos mundialmente”, esclarece a executiva.

Para participar do Wine Society, é possível escolher três modalidades de planos – mensal, bimestral e trimestral. Além disso, durante o Wine South America, que acontece até o dia 29 em Bento Gonçalves, há uma promoção imperdível para adesão ao clube.

Quem assinar o clube durante a feira, no valor de R$ 300, ganha a isenção da primeira parcela e receberá uma garrafa do vinho VE Merlot 2015, vinho ícone do Spa do Vinho, que custa R$ 280.

Mais sobre o Spa do Vinho Wine Society
Plano mensal – inscrição de R$ 300,00 e 11 parcelas de R$ 150,00;
Plano bimestral – inscrição de R$ 300,00 e 5 parcelas de R$ 150,00;
Plano trimestral – inscrição de R$ 300,00 e 3 parcelas de R$ 150,00.
Informações e adesão pelo emailadega@spadovinho.com.br ou pelo telefone (54)21027200.