Panetone caseiro: a receita mais deliciosa deste Natal

Uma receita muito mais gostosa, saudável e barata. Que tal levar no natal da família e surpreender todo mundo?

Ingredientes
– ½ col de sopa de fermento biológico;
– 3 col de sopa de água morna;
– 2 xíc de chá de farinha de trigo;
– 2 ½ col de sopa de açúcar;
– 3 col de sopa de leite em pó;
– 1 ovo;
– 2 gemas;
– 4 col de sopa de manteiga em temperatura ambiente;
– 4 col de sopa de leite morno;
– 1 ½ xíc de chá de frutas cristalizadas*;
– 1 pitada de sal.

*que você pode trocar por chocolate em cubo ou gotas.

Modo de preparo
1. Em um bowl, misture bem 3 col de sopa de farinha de trigo, o fermento e a água, até que fique homogêneo. Cubra com um pano e deixe descansar por 20 minutos.
2. Num outro bowl, misture bem o resto da farinha de trigo, o leite em pó e o açúcar.
3. Acrescente o ovo, as gemas, a manteiga, o leite morno, a mistura do passo 1 e uma pitada de sal. Misture bem até obter uma massa lisa (e um pouco elástica).
4. Acrescente o recheio, misture até encorpar bem e despeje a massa em uma assadeira untada (pode ser daquelas para pudim). Cubra com um pano e deixe descansar por uns 40 minutos.
5. Leve ao forno pré-aquecido, a 180ºC, por cerca de 30 minutos. Dica: quando o topo estiver dourado, abaixe o forno para assar melhor internamente.
6. Depois de esfriar, embale com um saco plástico para manter a maciez por mais tempo.

Bolachinhas de Natal

As bolachas de Natal são uma tradição muito antiga que surgiu nos conventos e mosteiros da Alemanha, tradição que é mantida até hoje pelos descendentes alemães no Brasil. As bolachinhas de Natal decoradas com desenhos natalinos acabaram virando febre nacional neste Natal e são fáceis e divertidas de fazer.

Ingredientes da massa:
– 3 ovos;
– 3 xícaras de açúcar;
– 1 xícara de manteiga;
– 1 xícara de leite;
– 1 colher de sopa de baunilha;
– 1 colher de sopa de fermento;
– 1 colher de sobremesa de sal amoníaco;
– Farinha de trigo suficiente para engrossar a massa.

Ingredientes do glacê:
– 200g de açúcar de confeiteiro;
– 2 claras de ovos;
– 1 colher de suco de limão.
– Anilina a gosto.

 

Modo de Preparo:
Massa:
1. Misture na vasilha da batedeira o açúcar, a manteiga e os ovos e bata bem até ficar cremoso;
2. Misture o leite, a baunilha, o fermento e o sal amoníaco e bata novamente;
3. Ainda batendo, vá acrescentando a farinha de trigo até engrossar a massa;
4. Abra a massa com um rolo e corte com forminhas;
5. Leve ao forno quente por mais ou menos 10 minutos.

Glacê:
1. Misture todos os ingredientes e bata;
2. Acrescente anilina para dar cor, ou mantenha a cor original;
3. Use o glacê para cobrir as bolachinhas;
Dica: Abuse da imaginação inventando desenhos com decorativos comestíveis!

Lombo com molho de champanhe e passas

As festas já estão chegando e nada melhor do que já garantir aquela receitinha que fará sucesso com a família e amigos. E já que certos ingredientes são sagrados nas ceias, já imaginou combinar lombo, champanhe e passas?

Ingredientes
2 kgs de lombo suíno magro
2 dentes de alho
1 unidade de cebola média
1 limão pequeno
5 fatias de Bacon
1/4 xícara (chá) de açúcar mascavo
1 colher (sopa) de amido de milho
1 xícara (chá) de espumante (champanhe)
1/4 xícara (chá) de uva-passa sem semente
4 porções de cravo-da-índia (ou cravinho)
1 pitada de canela em pó
1 pitada de sal
Pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo
– Tempere o lombo com o sal, a pimenta-do-reino, o limão, o alho socado e a cebola picada.
– A seguir, deixe-o descansar nesses temperos por 3 horas.
– Depois, coloque a carne em uma assadeira funda e cubra-a com o bacon.
– Leve ao forno preaquecido e deixe assar até que o lombo esteja bem corado.
– Retire e corte-o em fatias.
– Em uma panela de tamanho médio, misture o açúcar com o amido, o sal, a pimenta-do-reino e a canela em pó.
– A seguir, adicione o champanhe, os cravos-da-índia e as passas.
– Leve ao fogo, deixe ferver por cerca de 10 minutos e coe para retirar os cravos.
– Na hora de levar à mesa, distribua bastante o molho bem quente sobre as fatias de lombo e sirva.

Batida de coco com champagne

A batida de coco com champanhe é um drink leve, gostoso, rápido de ser feito, além de ser perfeito para se refrescar nos dias mais quentes do ano! Seus convidados vão adorar essa bebida!

Ingrediente
(Rende 600 ml)

200 ml de leite de coco
100 ml de leite condensado
300 ml de champanhe
Gelo

Modo de preparo
Você só precisa juntar o leite de coco, com o champanhe e o leite condensado em uma coqueteleira ou mexa bem com uma colher. Sirva com gelo.

Receita de sorvete caseiro com apenas 3 ingredientes

O calor voltou com tudo e nada melhor do que comer para refrescar, não é verdade? E que tal um sorvete, rápido, fácil, super gostoso e com apenas 3 ingrediente?

Ingredientes
2 latas de leite condensado
400 g de creme de leite fresco gelado
1 barra de chocolate derretido ou 2 colheres (sopa) de extrato de baunilha

Modo de preparo
1.Bata o leite condensado no liquidificador por, no mínimo, 5 minutos. Caso você não tenha leite condensado em mãos, é muito fácil de fazê-lo com apenas leite e açúcar. Para isso, confira a receita do leite condensado caseiro.

2.Enquanto o leite condensado está batendo, é hora de bater o creme de leite. O truque para atingir a cremosidade perfeita do sorvete é usar creme de leite fresco bem gelado. Com ele bem gelado, leve-o para a batedeira e bata até ele crescer bem.

3.Quando os dois ingredientes estiverem prontos, incorpore o leite condensado no creme de leite, aos poucos. Lembre-se de sempre mexer de baixo para cima e com movimentos leves. A base do seu sorvete está pronta! Agora, é a hora de escolher o sabor.

Se você quiser de chocolate, é muito fácil: basta derreter uma barra da sua preferência e adicioná-la à mistura. Mas lembre-se de sempre derreter o chocolate em banho-maria, afinal, ele é um ingrediente muito delicado que não aguenta altas temperaturas.

Agora, se você gosta mesmo é daquele tradicional sabor de baunilha, é bem simples: você pode acrescentar duas colheres de extrato. Para quem não sabe, a baunilha pode ser usada de muitas formas, e uma delas é um delicioso extrato.

Essa receita é super fácil e permite o preparo de sorvete dos mais diversos sabores. Tá liberado acrescentar pedaços de biscoitos, de frutas e até mesmo um delicioso creme de avelã caseiro. Depois que você tiver decidido o sabor de seu sorvete, coloque-o em um recipiente e leve para o congelador por pelo menos 6 horas antes de experimentar! Viu como é fácil?

Pudim de laranja sem leite condensado

O pudim agrada o paladar do mundo inteiro. No Brasil, ele se tornou uma sobremesa clássica, presente. em qualquer tipo de evento ou situação por ser um doce muito fácil e rápido de se fazer. Além de se tornar extremamente popular, o pudim ganhou derivações: chocolate, frutas, pão… Tem para todos os gostos!

Eles são preparados em banho-maria, método que consiste em colocar o creme preparado com os ingredientes em uma forma caramelizada, cuja é colocada dentro de outro recipiente com água e levada ao forno (ou fogo).

Ingredientes
300 g de açúcar
3 laranjas
150 ml de leite
Cascas de 2 laranjas
1 gema
3 ovos
2 caixinhas de creme de leite (400 g)
1 colher (sopa) de leite em pó

Modo de preparo
– Derreta metade do açúcar em fogo baixo. Adicione o suco coado de 1 laranja e mexa por uns 2 minutos ou até formar uma calda.
– Forre todo o interior de forminhas individuais (4 cm de fundo x 4 cm de altura x 6,5 cm de boca) e reserve.
– Aqueça o leite com as cascas de laranja até começar a ferver. Tampe e deixe amornar (uns 10 minutos). Coe, descarte as cascas e reserve o leite.
– Bata a gema com os ovos e o restante do açúcar com o batedor de arame (fouet). Adicione o leite.
– Distribua nas forminhas e leve ao forno médio-baixo preaquecido (160 °C), em banho-maria, por 45 minutos ou até firmarem (faça o teste do palito). Leve para gelar antes de desenformar.

Como fazer receitas deliciosas sem glúten

Não é fácil para quem precisa conviver com alergia ou intolerância alimentar, como a intolerância ao glúten. Chamada de doença celíaca, ela é uma sensibilidade ao glúten, uma proteína encontrada em trigo, cevada e centeio, presente em inúmeros alimentos industrializados e receitas gostosas de massas, bolos e biscoitos. Porém, para tudo é possível dar um jeito e, com as devidas substituições, ser celíaco e bom de garfo numa boa.

Alterando as receitas tradicionais
A culinária tradicional brasileira é rica em pratos que nem lembramos que não contêm trigo. Se você ainda não é craque na cozinha, ou não gosta muito de experimentar coisas novas, que tal começar pelos clássicos?

Arroz
Como o glúten é uma proteína, é ele que dá elasticidade às massas e as ajuda a crescer. Por isso a dificuldade em reproduzir o mesmo resultado das receitas com trigo – mas não impossível. O amido do arroz, in natura ou em forma de farinha, tem um efeito satisfatório em receitas bem gostosas:

Bolo fácil de arroz cru sem glúten
Ingredientes
1 xícara (chá) de arroz cru
1 pote de iogurte natural (170 g)
3/4 de xícara (chá) de óleo
4 ovos
1 xícara (chá) de açúcar
50 g de coco ralado
50 g de parmesão ralado
1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de preparo
** Atenção: Esta receita requer 3 horas para demolhar.
– Cubra o arroz com água e deixe de molho por 3 horas.
– Escorra e bata o arroz no liquidificador com o iogurte e o óleo até dissolver. Acrescente os ovos, o açúcar, o coco e o parmesão e bata bem. Incorpore o fermento e bata somente para misturar.
– Despeje em fôrma de cone central (24 cm de diâmetro) untada com óleo e polvilhada com açúcar e leve ao forno médio preaquecido (180 °C) por cerca de 40 minutos ou até dourar. Desenforme morno.

Mix de farinhas
Outra maneira de tentar reproduzir as propriedades do glúten é misturando farinhas. Assim, além de fofinha, a massa fica mais nutritiva.

Pão de frigideira muito fácil de 15 minutos
Ingredientes
1/2 xícara (chá) de farinha de arroz
1 xícara (chá) de água
1 colher (chá) de polvilho doce
1 colher (sopa) de farinha de linhaça dourada
1 colher (café) de psyllium (mantém a umidade e deixa o pão leve e fofo)
1/2 colher (café) de sal rosa
1 colher (café) de óleo de coco, azeite de oliva ou óleo de girassol
Temperos a gosto (orégano, cúrcuma, pimenta-do-reino)
1 colher (chá) de fermento natural (proporção de 1/3 de bicarbonato de sódio + 2/3 de cremor de tártaro)
1 colher (sopa) de vinagre balsâmico (ou outro)

Modo de preparo
– Reserve o fermento e o vinagre e misture bem os demais ingredientes.
– Adicione o fermento e regue com o vinagre para reagir e oxigenar. Acomode em frigideira pequena untada e tampe.
– Leve ao fogo bem baixo (coloque uma grelha sobre a outra para manter distância do calor) por 5 a 6 minutos ou até dourar por baixo.
– Vire com cuidado e mantenha no fogo por mais 3 a 4 minutos.

Biomassa de banana verde
A biomassa de banana verde fortalece a flora intestinal, ajuda a emagrecer e, de quebra, dá liga a diversas receitas. Dá até mesmo para preparar massa de bolo:

Bolo vegano sem glúten feito com casca de banana
Ingredientes
2 bananas verdes com casca (as bananas precisam estar com as cascas bem fechadinhas e estar bem verdes, pois assim a frutose ainda não se desenvolveu e, ao cozinharmos, vamos desenvolver o amido resistente delas, que é um excelente prebiótico cheiinho de nutrientes e benefícios)
1 e 1/2 xícara (chá) de farinha de arroz
1 colher (sopa) de polvilho doce
1 colher (sopa) de psyllium (é a fibra que vai manter a umidade no bolinho e deixá-lo bem fofo por dias; compre a granel em loja de produtos naturais)
2 colheres (sopa) de óleo vegetal (usei azeite)
3 colheres (sopa) de melado de cana
½ xícara (chá) de açúcar demerara pulverizado (batido no liquidificador pra ficar bem fininho)
Canela e gengibre em pó a gosto (opcional)
1 pitada de sal
1 colher (sopa) de fermento em pó (usei 2/3 de cremor de tártaro e 1/3 de bicarbonato de sódio)
1 colher (sopa) de vinagre

Modo de preparo
– Lave bem as bananas e cozinhe na panela de pressão com um pouco de água por 8 minutos, contados a partir da fervura (chiado).
– Deixe a pressão ser liberada naturalmente para abrir a panela e bata as bananas no liquidificador com um pouco de água (fica um creme parecendo um doce de leite, mas não tem gosto de nada, o que é ótimo pois combina com tudo e vira muitas receitas).
– Transfira para uma tigela e misture os demais ingredientes, exceto o fermento e o vinagre, com um batedor de arame (fouet).
– Adicione o fermento e, por cima, o vinagre, para reagir, oxigenar e deixar a massa bem aerada. Misture de novo e note que a massa fica bem mais leve.
– Distribua em 4 fôrmas individuais* e leve ao forno médio preaquecido (180-200 ºC) por uns 35 minutos ou até firmarem (faça o teste do palito). Deixe esfriar e desenforme.
** Bolos veganos sem glúten não assam se forem muito grandes.

Oleaginosas
As farinhas de oleaginosas, como amêndoas e castanhas, podem substituir parte da farinha de trigo na preparação de massas e dar uma dose extra de proteínas à dieta.

Pão low carb
Ingredientes

1 xícara (chá) de farinha de amêndoa
50 g de parmesão ralado
3 colheres (sopa) de água
3 colheres (sopa) de creme de leite
1 colher (sopa) rasa de farinha de aveia ou psyllium
Especiarias a gosto
1 colher (sopa) rasa de fermento em pó

Modo de preparo
– Bata os ingredientes, exceto o fermento, no liquidificador. Adicione o fermento e bata somente para misturar.
– Disponha em fôrma retangular polvilhada com farinha de aveia e asse em forno médio preaquecido (200 ºC) por cerca de 30 minutos ou até dourar.

Amido de milho
Mais utilizado na preparação de biscoitos e para engrossar cremes e molhos, o amido de milho também pode entrar no lugar da farinha de trigo em receitas de bolo bem fofinhas.

Bolo de amêndoas e morango sem glúten
Ingredientes
250g de manteiga (e mais um pouco para untar)
250g de açúcar
5 ovos (separar gemas das claras)
250g de farinha de amêndoas ou amêndoas moídas
1 colher de chá de extrato de baunilha (opcional, mas dá um gostinho bom)
200g de morangos glaceados (pode usar framboesas, secas ou frescas)

Modo de preparo
– Deixe a manteiga em temperatura ambiente até ficar em ponto de pomada. Bata a mesma com o açúcar até virar um creme.
– Adicione uma das gemas, bata e adicione um pouco da farinha de amêndoas. Vá repetindo a operação até terminarem as gemas e a farinha de amêndoa. Adicione o extrato de baunilha.
– Numa outra tigela bata as claras em ponto de neve. Derrame sobre a massa do bolo e, fora da batedeira, incorpore as mesmas com a massa. A função é deixar o bolo fofo.
– Pré aqueça o forno a 140ºC, fogo médio-baixo. O mais correto é pegar uma assadeira com fundo removível, untar com manteiga. Forrar o fundo com papel manteiga do mesmo tamanho. É fácil fazer isso, basta colocar a forma sobre o papel, riscar e, depois, cortar.
– Derrame metade da massa na assadeira, cubra com os morangos e, então, derrame a outra metade.
– Faça este procedimento para evitar que as frutas se concentrem em um único lugar. E, se forem frescas, para que não manchem o bolo. Então, evite misturar as frutas à massa do bolo.
– Separe alguns morangos para decorar o bolo depois.
** Dica: é um bolo úmido e fica quebradiço, por isso é melhor fazer em uma forma de fundo removível mesmo e que fique baixo para poder crescer sem solar (já que não leva fermento)

Bolo de pote de leite Ninho com morango

A base do bolo é simples mas precisa ser bem feita e com ingredientes de qualidade. A massa dessa receita é uma branca, leve e fofa. Você pode também fazer diferentes tipos de massa, como chocolate, dependendo do sabor do seu bolo no pote.

Ingredientes
Massa
4 ovos
450 g de açúcar refinado
250 g de manteiga
450 g de farinha de trigo
200 ml de leite integral
20 g de fermento em pó

Recheio
2 latas de leite condensado
2 latas de creme de leite
8 colheres (sopa) de de leite em pó
2 caixinhas de morangos

Modo de preparo
– Use a batedeira para fazer um creme fofo com o açúcar e a manteiga.
– Bata os ovos um a um e a farinha de trigo peneirada intercalada com o leite. Coloque a massa numa fôrma untada e leve para assar em forno pré-aquecido em temperatura média (180 °C).
– Para fazer o recheio, leve todos os ingredientes ao fogo e mexa até ficar cremoso.
– Monte o bolo nos potinhos intercalando o recheio, os morangos e a massa. A última camada é do recheio e, por fim, de morangos.

Pudim de abóbora com coco

O pudim é uma receita tradicional, e por isso, existem diversos modos de preparo: desde os mais simples, feitos em micro-ondas, até versões mais que vão ao forno e devem gelar por algumas horas antes de ir à mesa.

Os ingredientes usados para preparar um pudim também variam muito. É possível fazer com ingredientes como leite condensado ou até mesmo com gelatina e frutas, que são opções mais saudáveis. Para mostrar quão versátil essa sobremesa pode ser, confira esta diferente mistura que leva abóbora e coco.

Ingredientes
Calda:
1/2 xícara de açúcar
1 xícara de água
15 ameixas secas

Pudim:
2 latas de leite condensado
5 ovos grandes
1 vidro de leite de coco (200 ml)
50 g de coco ralado úmido e adoçado
700 g de abóbora bem madura sem casca (corte em cubos, cozinhe em água e deixe escorrer)

Modo de preparo
Calda:
Atenção: Esta receita requer ao menos 4 horas de geladeira. Em fogo baixo, derreta o açúcar em fôrma de cone central (25 cm de diâmetro) e acrescente a água. Deixe ferver até dissolver o caramelo e engrossar. Espalhe o caramelo por todo o interior da fôrma e, no fundo, distribua as ameixas lado a lado. Reserve.

Pudim:
No liquidificador, bata bem o leite condensado com os ovos. Acrescente o leite de coco e o coco ralado e bata mais. Junte a abóbora e continue batendo até ficar uniforme.
Com uma concha, despeje lentamente na fôrma preparada (para não deslocar as ameixas) e leve ao forno médio preaquecido (200 ºC), em banho-maria (use água quente), por cerca de 1 hora ou até firmar (faça o teste do palito). Depois de frio, leve à geladeira por umas 4 horas antes de desenformar (aqueça levemente o fundo da fôrma na chama do fogão para facilitar).

Dia de Campo em Monte Belo do Sul

Acontecerá, no dia 14/11 às 17h, o Dia de Campo para que os produtores possam conhecer novas tecnologias. No encontro, será testado um novo atomizador pneumático e eletrostático, bem como a forma que foi implementado o novo maquinário e seus resultados. Será feito também uma demonstração noturna, com produto fluorescente.

Serviço:
Data: 14/11
Local: Capela Nsa. Das Graças, Linha Argemiro Alta
Cidade: Monte Belo do Sul
Propriedade: Antônio Faccin

Programação:
17h – Apresentação do implemento e resultados
18h – Lanche
19h – Demonstração noturna com produto fluorescente.

** CONFIRMAR PRESENÇA ou dúvidas: (54) 9.9953-8574