Arroz de forno cremoso com frango

Foto e produção: Gisele Tesser

Esta receita de arroz de forno cremoso com frango, além de ficar uma delícia, é uma opção que, sem dúvida, vai agradar e surpreender a toda sua família na hora das refeições! Confira a receita completa abaixo e experimente em sua casa!

Ingredientes do arroz de forno cremoso com frango
4 gemas
2 caixas de creme de leite (400g)
1 copo de requeijão cremoso (200g)
Sal a gosto
5 xícaras (chá) de arroz branco cozido
2 xícaras (chá) de queijo mussarela ralado

Refogado
4 colheres (sopa) de manteiga
1 cebola picada
2 dentes de alho amassados
2 tomates sem sementes picados
3 xícaras (chá) de frango cozido e desfiado
1/2 xícara (chá) de milho verde escorrido
1/2 xícara (chá) de azeitona verde picada
Sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo
Em uma panela, em fogo médio, derreta a manteiga e frite a cebola e o alho por 3 minutos. Junte o tomate, o frango e refogue por 3 minutos. Misture o milho, a azeitona, sal, pimenta e reserve. Em uma tigela, misture as gemas, o creme de leite, o requeijão e sal. Misture o arroz até incorporar. Em um refratário médio, faça uma camada com metade do arroz, o refogado, metade da mussarela e o arroz restante. Polvilhe com a mussarela restante e leve ao forno médio, preaquecido, por 25 minutos. Retire e sirva.

Conheça a kombucha: bebida para quem adere à alimentação saudável

O probiótico milenar é produzido a partir da fermentação do chá preto, mas também pode ser feito com chá verde, branco, hibisco e mate. Rico em nutrientes e vitaminas, a bebida é natural e excelente para a saúde.

Os probióticos são organismos compatíveis com a flora intestinal humana, que atuam de forma benéfica no organismo humano. A bebida oferece ainda vitaminas do complexo B e K. Para fazer em casa, é necessário ter somente uma colônia de kombucha (também denominado scoby), 100 ml do líquido que fica com a colônia, um litro de chá doce, uma panela de pelo menos um litro para fermentar com a boca larga, uma garrafa de um litro para armazenamento, e especiarias e frutas a gosto para aromatizar.

Para confeccionar, basta adicionar o scoby ao chá em temperatura ambiente e mais o starter. Cubra o panela com um pano elástico e deixe em temperatura ambiente ao abrigo da luz e do calor por alguns dias. Dependendo da temperatura, a kambucha pode levar entre cinco a 15 dias para ficar pronta (que deve ser bem menos doce do que no início) e frisante.

Prove a bebida a cada dois dias para ver a mudança. Quando fermentar, extraia 90% do líquido para outra garrafa e adicione as especiarias que desejar: hortelã, cravo, cardamomo, gengibre, canela, zimbro, frutas, etc. Feche bem a garrafa e deixe fechada por um dia. Abra a garrafa, conserve no frigorífico e beba fria. Consuma em 10 dias. Com os 10% de kombucha restantes e o scoby, faça outra dose bebida.

Caso não possa fazer a kombucha por um tempo, adicione 500 ml de chá ao scoby e conserve por até dois meses num local fresco. Se por acidente o sabor do chá ficar muito acético (sabor de vinagre), despreze 90% do chá e recomece deixando fermentar por menos tempo. A kombucha nunca pode ficar destapada, porque as moscas da fruta são atraídas pelo cheiro e podem contaminar a colônia e o líquido deve estar sempre à temperatura ambiente, de forma preservar a colônia.

Fritada de batata e salame

(Ormuzd Alves)

Bateu aquela fome, mas está sem tempo de fazer pratos elaborados? Então quem sabe fazer uma receitinha rápida e saborosa, com dois alguns ingredientes básicos, que você provavelmente tem em casa.

Ingredientes
3 unidades de batata médias
1 unidade de cebola pequena picada
5 colheres (sopa) de azeite de oliva
6 unidades de ovo
120 gramas de salame cortado em rodelas finas

Modo de preparo
– Descasque as batatas e corte-as em rodelas bem finas.
– Faça o mesmo com a cebola.
– Em uma frigideira antiaderente, aqueça 3 colheres (sopa) do azeite. Coloque as fatias de batata e cebola em camadas.
– Tampe a frigideira e deixe no fogo baixo durante 20 minutos.
– Bata bem os ovos e despeje sobre as camadas de batata e cebola.
– Distribua sobre elas as fatias de salame.
– Doure a fritada dos dois lados. Sirva em seguida.

Dica:
Se preferir você pode substituir o salame por linguiça calabresa cortada em rodelas finas.

Batata no forno com frango e presunto

Quem disse que para comer bem precisa ter tempo? Confira uma receita para fazer em apenas 20 minutos

Anda sem tempo para preparar pratos elaborados? Está cansando de comer macarrão instantâneo e comida congelada? Se você já tiver um frango desfiadinho pronto, fica ainda mais fácil. E, claro, você pode usar a batata que você quiser!

INGREDIENTES
500 g de peito de frango cozido e desfiado
800 g de batata cozida em rodelas
1 copo de requeijão
1 molho de tomate
azeitona picada a gosto
200 g de mussarela fatiada ou ralada
200 g de presunto fatiado ou ralado
orégano a gosto

MODO DE PREPARO
– Refogue o molho de tomate com óleo e tempero em uma panela e acrescente o peito desfiado
– Coloque um pouco de água e deixe ferver um pouco
– Depois, adicione a azeitona picada e desligue o fogo
– Pegue um refratário de vidro e coloque o frango com o molho por baixo
– Logo em seguida coloque o requeijão por cima do frango e depois as batatas cozidas em rodelas
– Cubra com o presunto e a mussarela e polvilhe orégano por cima
– Leve ao forno preaquecido entre 180°C a 200°C até o que queijo derreter
– Sirva quente

 

Suflê de chocolate sem farinha de trigo com calda de ganache

A apetitosa sobremesa tem dois diferenciais, sendo o principal que é não levar farinha de trigo na receita, uma boa alternativa para quem é intolerante ao glúten. O doce cai bem na sobremesa, em qualquer hora do dia e ocasião, sendo sofisticada e ao mesmo tempo fácil de fazer.

Ingredientes
200 g de chocolate meio amargo (1 ¼ xícara de chá)
50 g de manteiga sem sal
100 ml de leite
1 pitada de sal
80 g de açúcar mascavo (½ xícara de chá + 2 colheres de sopa)
3 gemas
50 g de cacau em pó peneirado (½ xícara de chá + 1 colher de sopa)
6 claras
80 g de açúcar (½ xícara de chá)

Ganache
1 xícara (chá) chocolate meio amargo picado (150 g)
½ xícara (chá) de creme de leite fresco (100 ml)

Modo de preparo
Em uma tigela em banho-maria coloque 200 g de chocolate meio amargo, 50 g de manteiga sem sal, 100 ml de leite, 1 pitada de sal, 80 g de açúcar mascavo e mexa com uma espátula até ficar uma mistura homogênea. Apague o fogo, acrescente 3 gemas (uma de cada vez e mexa a cada adição), 50 g de cacau em pó peneirado e misture novamente. Reserve.

À parte, na batedeira, coloque 6 claras e bata em potência baixa. Adicione aos poucos 80 g de açúcar e vá batendo até que fique em ponto de neve.

Incorpore aos poucos as claras em neve na tigela com o chocolate e mexa levemente do fundo para cima.

Distribua em potes individuais untados com manteiga e polvilhado com açúcar cristal até a borda e retire o excesso de massa com uma faca para nivelar. Leve ao forno pré-aquecido a 200°C por 15 minutos. Retire do forno e sirva em seguida.

OBS: Se o pote for de porcelana grossa deixe no forno pré-aquecido a 200° C por 16 minutos. Caso seja de alumínio o tempo de assar deve ser de 18 minutos. Retire do forno e sirva em seguida.

Para testar o tempo de forno dessa sobremesa, coloque 1 potinho no forno e deixe 12 minutos. Retire do forno e veja se está com a textura cremosa.

Ganache
Numa tigela em banho maria coloque 1 xícara (chá) chocolate meio amargo picado, ½ xícara (chá) de creme de leite fresco e mexa até derreter. Quando estiver derretido sirva com o suflê de chocolate

Mousse de chocolate com bacon doce crocante de caramelo

A mistura pode parecer estranha, mas o mix de texturas deixa o sabor ainda mais surpreendente.

Ingredientes
1 ovo médio
5 gemas
5 e 1/2 colheres (sopa) de açúcar (110 g)
240 g de chocolate meio amargo derretido e misturado com 100 ml de creme de leite fresco
400 ml de creme de leite fresco batido em picos não muito firmes

Bacon crocante com caramelo
6 fatias de bacon finas (cerca de 100 g)
5 colheres (sopa) de açúcar cristal (100 g)
1 colher (sopa) de manteiga sem sal

Modo de preparo
Atenção: Esta receita requer ao menos 4 horas para firmar.
Misture o ovo com as gemas e o açúcar em uma panela e leve ao fogo baixo, mexendo sempre, até o açúcar derreter.
Bata a mistura na batedeira, em velocidade média, até dobrar de tamanho e ficar aerada (uns 5 minutos).
Sem bater e delicadamente, incorpore primeiro o chocolate e depois o chantili.
Distribua em taças e leve à geladeira por umas 4 horas ou até firmar. Sirva com o bacon crocante.

Bacon crocante com caramelo
Distribua as fatias de bacon em um prato forrado com papel absorvente e leve ao micro-ondas, em potência alta, por 4 minutos, trocando o papel a cada minuto. Deixe esfriar.
Derreta o açúcar em fogo médio, acrescente a manteiga e misture até derreter.
Banhe as fatias de bacon no caramelo, escorra o excesso e deixe esfriar.

Crepioca sem ovo? Confira 3 opções de crepiocas veganas

Quem opta pela restrição dos produtos de origem animal também pode se deliciar com a crepioca sem ovo, tanto na massa quanto no recheio.

O modo de preparo é o mesmo para todas: junte a goma de tapioca e o ingrediente indicado na massa (purê de banana ou leite vegetal). Misture até ficar uniforme e grelhe a crepioca. Coloque os ingredientes do recheio em uma panela e sirva!

CREPIOCA DE BANANA COM MELADO
Ingredientes:
2 colheres (sopa) de goma de tapioca
2 colheres (sopa) de purê de banana

Recheio:
1 banana em rodelas
1 colher (sopa) de melado
Canela a gosto
1 colher (sopa) de água
1 pitadinha de sal

CREPIOCA DE BRÓCOLIS COM CREME DE CASTANHA DE CAJU
Ingredientes:
2 colheres (sopa) de goma de tapioca
50ml de leite vegetal

Recheio:
1/2 xícara de brócolis cozido no vapor, em pequenos pedaços, e tomatinho cereja
2 colheres (sopa) de castanha de caju
1 colher (chá) de aveia
1/2 xícara (chá) de água
1/2 colher (chá) de orégano
Sal a gosto
Alho tostado a gosto

CREPIOCA DE PALMITO
Ingredientes:
2 colheres (sopa) de goma de tapioca
50ml de leite vegetal.

Recheio:
1/2 xícara (chá) de palmito picado
1 colher (sopa) de cebola picada
2 colheres (sopa) amêndoas trituradas
1 colher (sopa) de azeite
1/2 xícara (chá) de tomate picado sem semente
1/2 dente de alho
1 colher (sopa) de cheiro-verde picado
1/2 colher (chá) de manjericão
1 colher (café) de amido de milho
Sal a gosto

Aprenda a fazer o Tiramisù clássico

A delícia leva mascarpone caseiro, calda de café e pão de ló

Se você gosta de Tiramisu, vai adorar essa receita! Ah, você não conhece essa sobremesa? Pense em um pavê muito charmoso…

Tiramisu, ou Tiramesù, é um doce típico italiano, mas que conquistou muitos países ao redor do mundo.

Na Itália, o vinho utilizado no Tiramisu é o Marsala, fortificado produzido na Sicília. Como esse vinho, infelizmente, ainda não é tão conhecido assim, no Brasil, é comum encontrarmos versões dessa receita em que o Marsala original é substituído, por exemplo, por vinho do Porto.

O queijo utilizado no Tiramisu é o Mascarpone, também tipicamente italiano. Se for difícil encontrá-lo, substitua-o por cream cheese misturado com creme de leite em lata, na proporção de dois para um.

Modo de preparo
Mascarpone caseiro
Atenção: Esta receita requer 18 horas de geladeira.

Leve o creme de leite com o açúcar ao fogo médio, mexendo sempre, até atingir 85 °C (não pode passar de 88 °C).

Abaixe o fogo, mantendo a temperatura, acrescente o suco de limão e continue mexendo por por 5 minutos.

Fora do fogo, mexa por 5 minutos e deixe esfriar por 1 hora na geladeira.

Despeje em uma peneira forrada com pano seco ou 3 toucas descartáveis, cubra com filme plástico e deixe escorrer por 12 horas na geladeira.

Descarte o soro (ou empregue substituindo parte do leite em outras receitas) e utilize.

Creme
Misture as gemas com o açúcar e a água e leve ao banho-maria, mexendo sempre, até espessar (se usar gema pasteurizada, esse processo não é necessário).

Bata a mistura na batedeira, em velocidade alta, até esfriar. Sem bater, incorpore uma parte do mascarpone (para facilitar) e misture o restante até ficar homogêneo.

Despeje 1/5 do creme ao chantili para incorporar (mexendo de baixo para cima) e misture o restante.

Disponha em saco de confeitar descartável (vire-o do avesso para as abas não atrapalharem) com bico perlê. Reserve para a montagem.

Calda de café
Misture os ingredientes e utilize.

Pão de ló
Na batedeira, bata os ovos com o açúcar e a essência até obter um creme firme (uns 10 minutos).

Sem bater, incorpore a farinha até ficar homogêneo. Misture 1 concha da massa à manteiga derretida até homogeneizar e incorpore à massa restante.

Despeje em fôrma retangular para pão de ló (40 x 27 x 2 cm) untada com óleo e forrada com papel-manteiga.

Asse em forno médio preaquecido (180 °C) por cerca de 25 minutos ou até firmar. Depois de frio, corte no tamanho desejado.

Montagem
Em taças individuais ou taça única, disponha parte do creme e polvilhe cacau.

Umedeça os biscoitos (a parte sem açúcar) ou o pão de ló (a parte de cima) na calda de café e distribua sobre o creme, com a parte molhada para cima.

Cubra com uma camada generosa do creme, alise a superfície e leve à geladeira por no mínimo 6 horas. Polvilhe cacau apenas na hora de servir.

Dica: Em taça ou travessa alta, repita as camadas.

Ingredientes
Mascarpone caseiro
600 ml de creme de leite fresco (35% de gordura)
20 g de açúcar de confeiteiro
25 g de suco de limão

Creme
150 g de gemas (cerca de 8)
120 g de açúcar
30 g de água
Cerca de 500 g do mascarpone caseiro (toda a receita)
250 g de creme de leite fresco (35% de gordura) batido em chantili

Pão de ló ou biscoitos savoiardi (próprios para tiramisù) ou champanhe para montar
200 g de cacau em pó 100% para polvilhar

Calda de café
300 g de café coado forte ou café espresso
100 g de rum envelhecido
1 g de essência de amêndoa

Pão de ló
400 g de ovos
250 g de açúcar
5 g de essência de baunilha
250 g de farinha de trigo
100 g de manteiga derretida

Xícara comestível

Modo de preparo
Para adoçar o fim de semana da criançada, que tal preparar uma xícara com casquinha de sorvete e biscoitos?

Xícara com pires
Para fazer a xícara com pires, corte, com uma faca de serra, a casquinha de sorvete no sentido da largura a 6 cm da base. Passe um pouquinho de chocolate derretido no corte da parte maior e cole no centro do biscoito ou tortinha com recheio.

Para a asa da xícara, corte um biscoito sem recheio ao meio e, com uma faquinha afiada, recorte no formato da asa. Passe um pouquinho de chocolate derretido no corte e cole na xícara. Espere secar.

Na hora de servir, preencha a xícara com salada de frutas e decore com iogurte e folhas de hortelã.

Ingredientes
4 casquinhas (cones) de sorvete
4 biscoitos redondos recheados abertos ou biscoitos tortinhas (recheados)
Chocolate meio amargo derretido
Salada de frutas (cortadas bem miudinho)
Iogurte natural para decorar
Folhas de hortelã para decorar

3 receitas com physalis, a frutinha amarela que decora doces e bolos

Aprenda a fazer pratos principais, sobremesas e até um drinque com a fruta que dá nome a uma das mais charmosas das confeitarias

Provavelmente você já encontrou algum doce decorado por essa fruta pequena de coloração amarela. De sabor doce e ácido, a physalis é comumente encontrada nas regiões temperadas, quentes e subtropicais e é rica em vitaminas A, C, fósforo, ferro, além de conter flavonoides (aquele encontrado também no vinho) e outros componentes bons para o organismo – tendo sido apontada como grande aliada no combate à diabetes, reumatismo crônico, doenças de pele, da bexiga e do fígado.

1: Geleia de physalis

Ingredientes
200 gramas de physalis
3 colheres de sopa de açúcar
100 ml de água

Modo de preparo
Remova as cascas dos physalis, lave-os em água corrente, pique-os em cubos pequenos, e reserve-os. Em uma panela em fogo baixo, adicione a água e o açúcar e deixe formar uma calda. Adicione os physalis, misture e deixe cozinhar por cerca de 30 min ou até que tenha reduzido e fique com a textura de geleia. Mexa continuamente para que não queime ou grude no fundo da panela. Retire a geleia da panela, reserve-a e deixe-a esfriar por cerca de 15 min. Sirva-a e decore-a com uma physalis ainda com a casca.

Para decorar a geleia quando for servi-la, puxe a casca no sentido contrário ao da fruta – cuidando para não destacá-la – e torça-a. Sirva a geleia junto de torradinhas ou com sorvete de creme. Rende 15o gramas.

2: Caipirinha premium de physalis

Ingredientes
1 dose de vodca, cachaça, saquê, rum ou o destilado que preferir
3 physalis
1 fatia de abacaxi
2 colheres de açúcar

Modo de preparo
Corte o Physalis ao meio e o abacaxi em cubos. Coloque em uma coqueteleira com o açúcar e macere levemente. Adicione o gelo e a dose. Agite e sirva.

3: Cheesecake de physalis

Ingredientes
2 ovos inteiros
1 xicara de açúcar light
1 xicara de chá de leite
150 gramas de cream cheese light
300 gramas de ricota
1 base de pão-de-ló sem o miolo
compota ou geleia de physalis

Modo de preparo
Bater os ingredientes até obter uma massa uniforme bem lisa e cremosa. Colocar a massa dentro do pão de ló e levar ao forno de 30 a 40 minutos a 180 graus, até a superfície apresentar uma leve tonalidade dourada. Acrescentar e espalhar 4 colheres de compota ou geleia de physalis sobre a massa dourada e levar novamente ao forno por mais 15 minutos a 180 graus. Retirar e resfriar naturalmente ou em refrigerador. Decore com physalis in natura.